Archive for dezembro, 2015

LEGIÃO

terça-feira, dezembro 15th, 2015

LEGIÃO

A palavra LEGIÃO é mencionada em Marcos  5,1-20 quando  JESUS CURA O POSSESSO DE GERASA

Legião Romana (do Latim legio) era a maior unidade militar do exército romano, contando com mais de 3 000 homens (os legionários) em suas fileiras no início da Era Republicana, chegando posteriormente a ter mais de 5 200 soldados no período do Império, consistido de centúrias como a unidade básica. Até meados do primeiro século da Era Cristã, uma legião era formada pelo somatório de dez coortes (com 500 homens em cada, totalizando 5 000 em armas). Mais tarde, foi mudada para nove coortes de tamanho padrão (com 6 centúrias de 80 homens cada) e uma coorte com o dobro do tamanho (cinco centúrias também maiores, com 160 legionários cada).[1][2][3]

Veja informações detalhada sobre a LEGIÃO ROMANA na WIKIPEDIA

 

ROMANOS

terça-feira, dezembro 15th, 2015

ZELOTAS

terça-feira, dezembro 15th, 2015

ZELOTAS ou ZELOTES

III. Grupos político-religiosos

Na sociedade do tempo de Jesus podemos distinguir vários grupos, que se diferenciam no modo de se relacionar com a política, economia e religião, e que têm grande importância no quadro social da época.

 4. Zelotas

Os zelotas se constituíram a partir dos fariseus. Provêm especialmente da classe dos pequenos camponeses e das camadas mais pobres da sociedade, massacrados por um sistema fiscal impiedoso. São muito religiosos e nacionalistas. Desejam expulsar os dominadores pagãos (romanos), e também são contrários ao governo de Herodes na Galiléia. Querem restaurar um Estado onde Deus é o único rei, representado por um descendente de Davi (messianismo). Nesse sentido, os zelotas são reformistas, isto é, pretendem restabelecer uma situação passada.

Enquanto os fariseus se mantêm numa atitude de resistência passiva, os zelotas partem para a luta armada. Por isso, as autoridades os consideram criminosos e terroristas, e são perseguidos pelo poder romano.

Entre os apóstolos de Jesus, provavelmente dois eram zelotas: Simão (Mc 3,19) e Judas Iscariotes. Simão Pedro parece adotar certos métodos dos zelotas.

http://www.paulus.com.br/biblia-pastoral/_PV5.HTM

*********************** 

 

JESUS E OS ZELOTES.

EDUARDO HOORNAERT – DEZEMBRO 1996

Uma questão que tem prejudicado muito a discussão acerca do caráter “terceiromundista” da figura de Jesus é a pretensa relação entre o movimento de Jesus e os dos assim chamados zelotes. Nos anos ‘60-’80 criou-se, nos estudos acerca das origens do cristianismo, uma forte polarização em torno da questão da violência e da não-violência.

Como na época os movimentos marxistas efetivamente estavam com o poder em diversos estados (Rússia, China, Cuba), e o tinham conquistado através da luta armada, houve assimilação entre movimentos populares e violência. Daí a ânsia em se apresentar um Jesus não-violento em oposição com movimentos camponeses “violentos, e especificamente em provocar um contraste entre Jesus e os assim chamados zelotes que teriam sido violentos típicos da época.

Ora, a questão dos zelotes é mal colocada desta forma, como já ressaltamos no nosso estudo “O Movimento de Jesus” (Vozes, 1994), e por um motivo muito simples: “Os zelotes, tais quais comumente aparecem nos estudos recentes, são uma elaboração acadêmica recente…Simplesmente não há provas de um movimento organizado que tivesse defendido a revolta armada contra Roma entre 6 e 66 d.C.”(Horsley, 1995, 9 e 10).

Para falar claramente: Jesus nunca lidou com zelotes pelo simples fato que o movimento não existia na época de sua vida ou pelo menos não aparece no nível dos textos. tudo indica que só emergiu no inverno de 67-68 d.C., ou seja no início da guerra judaica contra Roma que terminou tão dramaticamente com a destruição do Templo de Jerusalém pelos exércitos do Imperador Tito (ibidem, 18). E com isso podemos considerar essa discussão por encerrada e passar adiante, com a permissão do benevolente leitor.

——————–

http://www.igrejanova.org.br/hispor.htm

FORMAÇÃO DO CRISTIANISMO VIII

Professor (e ex-padre) Eduardo Hoornaert,  desvenda a ideologia por trás da questões dos zelotas.

ZELOTES !

         Nos tempos do Novo Testamento, os Zelotes era uma seita judia que representava o extremo do fanatismo nacional.

O nome vem do tempo em que os Macabeus desde o lº e 2º século a.C. até à queda da fortaleza de Masada na primavera de 73 foram impelidos por um fanatismo nacional.

Considerando-se a si mesmos os enviados de Deus para libertarem a sua nação da opressão exterior, sob o lema de “Não o governador mas a Lei”, “Não o rei mas Deus”, tornaram-se cada vez mais violentos na resistência contra as forças ocupantes de Roma e do seu povo que simpatizava com o Helenismo.

A sua crença no messianismo do Antigo Testamento estava inteiramente limitada à recuperação da independência judaica; eles acreditavam no culto só a Javé e estavam convencidos de que a aceitação de um domínio governamental exterior e o pagamento dos impostos a um governador de fora do país, era uma blasfémia contra Javé.

Seguindo o exemplo da resistência dos Macabeus contra os esforços do rei Selêucida, Antíoco IV Epífanes, para obrigar que os Gregos e os Judeus fossem um só povo, Judas, o galileu de Gamala, chefiou uma revolta considerável de protesto contra a introdução do censo Romano na incorporação da Judeia no ano 6.

Teudas chefiou uma outra rebelião em 42.

Portanto, o movimento desta seita ou partido teve origem numa revolta contra o recenseamento levado a efeito no tempo de Quirino para fins de pagamento de impostos.

Esta seita era uma minoria e era olhada pelos outros judeus pelo menos com forte antipatia.

As suas tácticas eram como o moderno terrorismo político; prendiam e matavam com certa frequência, atacando simultaneamente estrangeiros e judeus de que eles suspeitavam e a quem chamavam “os colaboradores”.

Levaram a sua arte de assassinar até a um ponto de destreza que os Romanos lhes chamavam os sicarii (“assassinos”), pela sua prática de esconder um punhal debaixo das suas roupas para um uso disfarçado no meio das multidões.

O seu maior trabalho organizado antes de rebentar a guerra dos judeus foi um assalto de represália na Samaria contra os peregrinos, no reinado de Ventidius Cumanus (48-52).

O seu fanatismo e as suas tácticas estão ilustradas na vida de S. Paulo, ameaçada de assassínio por um grupo de homens :

- “Jurámos, sob pena de anátema, não comer nada enquanto não matarmos Paulo. Agora, de acordo com o Sinédrio, ide solicitar ao tribuno que o mande comparecer diante de vós, sob o pretexto de examinardes o seu caso mais profundamente. E nós estamos prontos a suprimi-lo durante o trajeto “. (At 23,14-15).

Um dos discípulos de Jesus, Simão, era chamado Zelote – “Zeloso”, porque, provavelmente teria antes pertencido à seita :

- Tiago, filho de Alfeu, e Simão, o Zeloso. (Lc 6,15).

Mas houve outros incidentes que mostram as atividades da seita ou partido dos Zelotes.

 

Assim :

* Lucas faz referência a alguns galileus cujo sangue Pilatos havia misturado com o dos sacrifícios que eles ofereciam. (cf. Lc 13,1 -2).

* Talvez Barrabás que foi solto em vez de Jesus, fosse um chefe dos Zelotes, porque segundo o messianismo, um devia sofrer por todos, em ordem à libertação nacional.

* Igualmente um dos condenados na cruz, dizia: “Não és tu o Cristo? Salva-Te a Ti mesmo e a nós”.

 

Ideia de libertação.

* Talvez Judas Iscariotes fosse um chefe Zelote, impaciente pela liberdade e a independência nacional, pelo que entregou o Mestre, e que, frustrado, se suicidou.

* Os zelotes foram responsáveis pela rebelião contra Roma no ano 66 e obrigaram os moderados a aceitar a rebelião mesmo contra a sua vontade: e nos anos seguintes controlaram obstinadamente Jerusalém pela supressão ou assassínio dos que se opusessem às suas tácticas.

* Mantiveram grupos de resistência no país até à queda de Jerusalém, e o seu movimento sobreviveu suficientemente até ao ponto de levantar nova rebelião em 132-135, no governo de Adrião.

 

A conexão entre os Zelotes e a seita de Qumran foi procurada por alguns estudiosos, mas nada ficou assente..

Recentemente F. W. Farmer examinou de novo o assunto dos Zelotes.

A fonte de informação principal para o assunto dos Zelotes é Flávio Josefo, que foi extremamente contra eles, alcunhando-os de assassinos e salteadores.

F. W. Farmer sugere que Josefo ofuscou a sua reputação indevidamente e propõe que os Zelotes eram os sucessores espirituais dos Macabeus, preservando as mesmas ideias de independência e de religião, e empregando táticas que, na hipótese de Josefo, dão uma impressão prejudicial, mas não diferem substancialmente das táticas dos Macabeus, a não ser no seu falhanço.

John Nascimento

———————————————–

Em tempo: antes que alguém fale que havia um apóstolo chamado Simão, “o Zelota”, vale dizer que ele é chamado “o Cananeu” nos evangelhos escritos primeiro (Mateus 10,4 e Marcos 3,18), sendo chamado de “Zelota” só em Lucas 6,15 e em Atos 1,13, escritos após o ano 80, quando já passara a revolta dos judeus contra Roma.

18c – Mc e Mt (Mt 10,4) chamam Simão de “Cananeu” ou “o nacionalista”, enquanto Lc 6,15 o chama “zelota”? Alguém se enganou?

“Cananeu” não é originário de Caná. Vem do hebraico “quanná”, que significa arder em zelo; daí vem “zelota”, nome do partido radical nascido na Galiléia, dos que ardiam de vontade de expulsar os romanos pelas armas. Era um movimento nacionalista-religioso, para quem, aceitar a dominação e pagar imposto ao soberano estrangeiro equivalia a apostatar da fé no Deus de Israel e trair a pátria.
Considerados subversivos, adotavam táticas terroristas: assaltavam e matavam oponentes. Traziam punhal escondido sob o manto, donde também a alcunha de “sicários”, isto é, apunhaladores. Pedro comungava com as convicções deles (Mt 26,51; Mc 14,47; Lc 22,49-50; Jo 18,10).

 

 

 

MAIS SOBRE A BÍBLIA

** PARA ENTENDER LA BIBLIA por Alejandro von Rechnitz

** Leia alguns ARTIGOS sobre a BÍBLIA

** Leia alguns LIVROS APÓCRIFOS

** VEJA MAPAS E OUTRAS IMAGENS DO MUNDO DA BÍBLIA

** VEJA O ESTUDO DO APOCALIPSE DE SÃO JOÃO

** VEJA O ESTUDO DO EVANGELHO DE MARCOS

** VEJA O ESTUDO DO EVANGELHO DE MATEUS

** VEJA O ESTUDO DO EVANGELHO DE LUCAS

** VEJA O ESTUDO DO EVANGELHO DE JOÃO

** VEJA O ESTUDO SOBRE PAULO APÓSTOLO

** VEJA 10 VÍDEOS DE COMO FUNCIONAVA A SOCIEDADE NO TEMPO DE JESUS E A SUA PROPOSTA

**VEJA MATERIAL SOBRE A LITURGIA

**VEJA MATERIAL SOBRE A TEOLOGIA DA LIBERTAÇÃO

** Volta à PÁGINA PRINCIPAL

 

Responsável por este trabalho

    Xavier Cutajar

            xacute@uol.com.br       http://xacute1.com

SINAGOGA

terça-feira, dezembro 15th, 2015

SINAGOGA

Que era a sinagoga?

O termo significa assembléia, reunião, comunidade. Uma sala retangular disposta de tal maneira que as pessoas ficassem voltadas para o Templo de Jerusalém. Quase todas as vilas possuíam sua sinagoga para as orações comunitárias, a leitura e explicação da Sagrada escritura (o Antigo Testamento) todos os sábados. O responsável costumava convidar um escriba ou outra pessoa versada na Escritura para a explicação do trecho lido. Jesus aproveitava dessa oportunidade para completar o Antigo Testamento com a novidade do Evangelho. Para 30 mil habitantes em Jerusalém no tempo de Jesus, havia 480 sinagogas. Eram utilizadas também como tribunal de justiça (Lc 2,11; 21,12).

** As SINAGOGAS NO TEMPO DE JESUS  Rodrigo Silva – Bloco 1

** As SINAGOGAS NO TEMPO DE JESUS  Rodrigo Silva – Bloco 1


Em Marcos a presença de JESUS NA SINAGOGA é mencionada 4 vezes.
Mc  1, 21- 29;    1,39    3,  1-6;     6,  1-6a

Jesus marca presença na Sinagoga para ensinar e também para expulsar os espíritos impuros, nunca para rezar.

SINAGOGA
  Mc    1, 21|        sábado, Jesus entrou na sinagoga(sunagwgh.n) e começou a ensinar.
  Mc    1, 23|    Nesse momento, estava na sinagoga(sunagwgh/) um homem possuído por um
  Mc    1, 29|               29 Saíram da sinagoga(sunagwgh/j) e foram logo para a casa

  Mc    1, 39| a Galiléia, pregando nas sinagogas(sunagwga.j) e expulsando os demônios.~

  Mc    3,  1|        Jesus entrou de novo na sinagoga(sunagwgh.n), onde estava um homem
  Mc    6,  2|     Jesus começou a ensinar na sinagoga(sunagwgh/. Muitos que o escutavam
  Mc   12, 39 dos primeiros lugares nas sinagogas(sunagwgai/j) e dos lugares de honra
  Mc   13,  9| Vocês serão torturados nas sinagogas(sunagwga.j), serão levados diante de





1   Mt   12,  9|      desse lugar, e foi para a sinagoga deles.
 2   Mt   13, 54|         Ensinava as pessoas na sinagoga, de modo que ficavam admiradas.
 3   Mc    1, 21|        sábado, Jesus entrou na sinagoga e começou a ensinar.
 4   Mc    1, 23|       Nesse momento, estava na sinagoga um homem possuído por um
 5   Mc    1, 29|                   29 Saíram da sinagoga e foram logo para a casa
 6   Mc    3,  1|        Jesus entrou de novo na sinagoga, onde estava um homem com
 7   Mc    3,  6depois, os fariseus saíram da sinagoga e, junto com alguns do partido
 8   Mc    5, 22Aproximou-se um dos chefes da sinagoga, chamado Jairo. Quando viu
 9   Mc    5, 35|    pessoas da casa do chefe da sinagoga e disseram a Jairo: «Sua
10   Mc    5, 36|    notícia e disse ao chefe da sinagoga: «Não tenha medo; apenas
11   Mc    5, 38|    chegaram à casa do chefe da sinagoga, Jesus viu a confusão e
12   Mc    6,  2|     Jesus começou a ensinar na sinagoga. Muitos que o escutavam
13   Lc    4, 16|   costume, no sábado entrou na sinagoga, e levantou-se para fazer
14   Lc    4, 20|        Todos os que estavam na sinagoga tinham os olhos fixos nele.
15   Lc    4, 28|    palavras de Jesus, todos na sinagoga ficaram furiosos.
16   Lc    4, 33|                          33 Na sinagoga havia um homem possuído
17   Lc    4, 38|               38 Jesus saiu da sinagoga, e foi para a casa de Simão.
18   Lc    6,  6|        sábado, Jesus entrou na sinagoga, e começou a ensinar. Aí
19   Lc    7,  5|      povo, e até construiu uma sinagoga para nós.»
20   Lc    8, 41|        chamado Jairo, chefe da sinagoga do lugar. Caiu aos pés de
21   Lc    8, 49| mensageiro da casa do chefe da sinagoga chegou, dizendo: «Sua filha
22   Lc   13, 10|    Jesus estava ensinando numa sinagoga em dia de sábado.
23   Lc   13, 14|                  14 O chefe da sinagoga ficou furioso, porque Jesus
24  Joa    6, 59|      coisas quando ensinava na sinagoga de Cafarnaum.~A  em Jesus
25  Joa    9, 22|   haviam combinado expulsar da sinagoga quem confessasse que Jesus
26  Joa   12, 42|     para não serem expulsos da sinagoga.
27   At    6,  9|     entanto, alguns membros da sinagoga dos Libertos, junto com
28   At   13, 14|         No sábado, entraram na sinagoga e sentaram-se.
29   At   13, 15|     dos Profetas, os chefes da sinagoga mandaram dizer a eles: «
30   At   14,  1|    Paulo e Barnabé entraram na sinagoga dos judeus e falaram, de
31   At   17,  1|      onde os judeus tinham uma sinagoga.
32   At   17, 10|       aí chegaram, entraram na sinagoga dos judeus.
33   At   17, 17|       17 Por isso, discutia na sinagoga com os judeus e pagãos que
34   At   18,  4|     sábados, Paulo discutia na sinagoga, procurando convencer judeus
35   At   18,  7|   Justo, que morava ao lado da sinagoga.
36   At   18,  8|           8 Crispo, o chefe da sinagoga, acreditou no Senhor com
37   At   18, 17| agarraram Sóstenes, o chefe da sinagoga, e o espancaram diante do
38   At   18, 19|     deixou e entrou sozinho na sinagoga, onde começou a discutir
39   At   18, 26|   falar com muita convicção na sinagoga. Ao escutá-lo, Priscila
40   At   19,  8|        Em seguida, Paulo foi à sinagoga e, durante três meses, falava
41   Ap    2,  9judeus. Eles formam, sim, uma sinagoga de Satanás.
42   Ap    3,  9|     judeus; são mentirosos, da sinagoga de Satanás. Vou entregá-
 
1   Mt    4, 23|      Galiléia, ensinando em suas sinagogas, pregando a Boa Notícia
 2   Mt    6,  2|          fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem elogiados
 3   Mt    6,  5|        gostam de rezar em  nas sinagogas e nas esquinas, para serem
 4   Mt    9, 35|      povoados, ensinando em suas sinagogas, pregando a Boa Notícia
 5   Mt   10, 17tribunais e açoitarão vocês nas sinagogas deles.
 6   Mt   23,  6|        dos primeiros lugares nas sinagogas;
 7   Mt   23, 34|          a outros torturarão nas sinagogas de vocês, e os perseguirão
 8   Mc    1, 39|         a Galiléia, pregando nas sinagogas e expulsando os demônios.~
 9   Mc   12, 39|        dos primeiros lugares nas sinagogas e dos lugares de honra nos
10   Mc   13,  9|       Vocês serão torturados nas sinagogas, serão levados diante de
11   Lc    4, 15|              15 Ele ensinava nas sinagogas, e todos o elogiavam.
12   Lc    4, 44|           44 E Jesus pregava nas sinagogas da Judéia.~
13   Lc   11, 43|     gostam do lugar de honra nas sinagogas, e de serem cumprimentados
14   Lc   12, 11|    introduzirem vocês diante das sinagogas, magistrados e autoridades,
15   Lc   20, 46|        dos primeiros lugares nas sinagogas e dos postos de honra nos
16   Lc   21, 12| perseguidos; entregarão vocês às sinagogas, e serão lançados na prisão;
17  Joa   16,  2|           2 Expulsarão vocês das sinagogas. E vai chegar a hora em
18  Joa   18, 20|     mundo. Eu sempre ensinei nas sinagogas e no Templo, onde todos
19   At    9,  2|          de recomendação para as sinagogas de Damasco, a fim de levar
20   At    9, 20|        logo começou a pregar nas sinagogas, afirmando que Jesus é o
21   At   13,  5|   anunciar a Palavra de Deus nas sinagogas dos judeus, tendo João como
22   At   15, 21|        lêem todos os sábados nas sinagogas.» ~A carta conciliar -*
23   At   22, 19|        sabem que era eu que, nas sinagogas, andava prendendo e batendo
24   At   24, 12|           nem no Templo, nem nas sinagogas, nem pela cidade, jamais
25   At   26, 11|                   11 Em todas as sinagogas eu procurava obrigá-los

TEMPLO e SANTUÁRIO

terça-feira, dezembro 15th, 2015

O TEMPLO DE JERUSALÉM

 TEMPLO-B-Mapas-SAB-32

** Veja O TEXTO de como funcionava o TEMPLO NA ÉPOCA DE JESUS (imprimir em formato livrinho)

** Veja O VÍDEO no YOUTUBE de como funcionava o TEMPLO NA ÉPOCA DE JESUS

 

 

https://youtu.be/TRWtBoAq-GE

O TEMPLO NO EVANGELHO DE JOÃO (11 vezes)

  1. 2,14 No Templo (i`erw), Jesus encontrou os vendedores de bois, ovelhas e pombas, e os cambistas sentados.
  2. 2,15 Então fez um chicote de cordas e expulsou todos do Templo (i`erou) junto com as ovelhas e os bois; esparramou as moedas e derrubou as mesas (dos cambistas).
  3. 5,14 Mais tarde, Jesus encontrou aquele homem no Templo (i`erw) e lhe disse: “Você ficou curado. Não peque mais, (Cf. 8,11) para que não lhe aconteça alguma coisa pior.”
  4. 7,14 Quando a festa já estava pelo meio, Jesus foi ao Templo (i`ero.n) e começou a ensinar.
  5. 7,28 Então, enquanto ensinava no Templo (i`erw).Jesus exclamou:
  6. 8,2  Ao amanhecer, Ele voltou ao Templo (i`ero.n), e todo o povo ia ao seu encontro. Então Jesus sentou-se e começou a ensinar.
  7. 8,20 Ele falou essas coisas enquanto ensinava no Templo (i`erw), perto da sala do Tesouro. E ninguém o prendeu, porque a hora  dele ainda não havia chegado.
  8. 8, 59 Então eles pegaram pedras para atirar em Jesus. Mas Jesus se escondeu e saiu do Templo (i`erou).
  9. 10,23    Jesus passeava pelo Templo (i`erw), andando no pórtico de Salomão.
  10. 11,56 Eles procuravam Jesus, e quando se reuniram no Templo (i`erw), comentavam: “Que é que vocês acham? Será que ele não vem para a festa?”
  11. 18,20 E Jesus respondeu: “Eu falei às claras para o mundo. Eu sempre ensinei nas sinagogas e no Templo (i`erw), onde todos os judeus (povo) se reúnem. Não falei nada escondido.

 

O SANTUÁRIO (3 vezes)

  1. 2,19 Jesus respondeu: “Destruam esse santuário(nao.n), e em três dias eu o  levantarei.”
  2. 2,20 Os judeus (dirigentes religiosos)  disseram: “A construção desse santuário (nao.j) demorou quarenta e seis anos, e tu o levantarás em três dias?”
  3. 2,21 Isto, porém, dizia do santuário (naou) do seu corpo.

 

 

O TEMPLO NO EVANGELHO DE MARCOS

A PRESENÇA DE JESUS NO TEMPLO (4 vezes)

Em Marcos, o Templo é mencionado apenas na segunda parte quer dizer do capítulo 11 em diante (também em Mateus e Lucas. Só o Evangelho de João que menciona o Templo logo no Capítulo 2.


A PRESENÇA DE JESUS NO TEMPLO em Marcos (só do capítulo 11 em diante) 
         Marcos menciona a presença de Jesus no Templo 4 vezes:
  • Mc  (11, 11);
  • Mc (11, 15 e 16);
  • Mc (11, 27);
  • Mc (12, 35 e 13,  1);
          Mencionar o TEMPLO:   (Mc   13,  3;  14, 49);
          Mencionar o SANTUÁRIO: 14, 58;   15, 29)

Marcos faz questão de insistir na presença de Jesus nas casas. 
O lugar de Jesus não é no Templo. Só entra no Templo para ensinar e para expulsar os vendedores e os cambistas.
A PRESENÇA DE JESUS NAS CASAS (12 vezes)
            Mc  1, 29;  1,33;   2,  1;   2,2;   2, 15;    3, 20;    5, 38;    6, 10;
                   7, 17;    7, 24;    9, 28;   9, 33;   10, 10;  14, 3
15-A PRESENÇA DE JESUS NA SINAGOGA (4 vezes)
                     Mc  1, 21- 29;    1,39    3,  1-6;     6,  1-6a
Mc   11, 11|             entrou em Jerusalém, no Templo(i`ero.n), e olhou tudo ao redor.
Mc   11, 15|                            Jesus entrou no Templo(i`ero.n) e começou a expulsar os

Mc   11, 15|       vendiam e os que compravam no Templo(i`erw). Derrubou as mesas dos cambista

Mc   11, 16|            carregar nada através do Templo(i`erou).

Mc   11, 27    Jesus estava andando no Templo(i`erw). E os chefes dos sacerdotes,
Mc   12, 35    Jesus ensinava no Templo(i`erw), dizendo: «Como é que os
Mc   13, 1     Quando Jesus saiu do Templo(i`erou), um discípulo comentou:

Mc   13, 3         Oliveiras, de frente para o Templo(i`erou). Então Pedro, Tiago, João
Mc   14, 49     dias eu estava com vocês no Templo(i`erw), ensinando, e vocês não

Mc   14, 58     dizer: ‘Vou destruir esse templo(nao.n) feito por homens, e em três

Mc   15, 29     Você que ia destruir o Templo(nao.n), e construí-lo de novo em

 

 

 

MAR DA GALILEIA

terça-feira, dezembro 15th, 2015

MAR DA GALILEIA

Veja o significado simbólico do  MAR

Nos Evangelhos quando se fala do mar se refere ao mar da Galileia que era um lago grande de água doce.

O mar de água salgada era o mar mediterrâneo de onde vinham os grandes navios trazendo e levando soldados de e para Roma. Na Palestina a base dos romanos era Cesareia, na Samaria, conhecida como Cesareia marítima para não confundí-la com outra Cesareia de Filipe.

O termo “mar”, além em Marcos,  acorre também em Mateus e em João e em outros livros do Antigo Testamento (Cf. Nm 34,11; Js 13,27) como também no uso árabe e israelense posterior.

Entre os evangelistas somente Lucas usa sempre o nome ‘LAGO” (Cf. também José Flávio, Vita 65)   (BATTAGLIA:  p. 28)

Conhecido também como  Lago de Tiberíades ou da Genesaré, esse lago de água doce com 21 quilômetros de comprimento e 12 de largura situado na Galileia e que é o grande reservatório de água doce da Palestina.

Lago interiorano de água doce na Palestina setentrional, que também tem sido chamado de mar de Quinerete (Núm 34:11), lago de Genesaré (Lu 5:1) e mar de Tiberíades (Jo 6:1). (A palavra grega traduzida por “mar” também pode significar “lago”.) — MAPA, Vol. 3, p. 228; FOTOS, Vol. 1, p. 240, e Vol. 3, p. 228.

Mar da Galileia

Mar da Galileia

Mar da Galileia visto de Tiberíades

Mar da Galileia_2008

Mar da Galileia – Lago de Tiberíades – Lago de Genesaré – Kinneret

O mar da Galileia, também conhecido como mar de Tiberíades ou lago de Genesaré(em hebraico: יָם כִּנֶּרֶת;  é um extenso lago de água doce localizado no Distrito Norte de Israel.

É o maior lago do país e tem comprimento máximo de cerca de 19 quilômetros e largura máxima de cerca de 13 km, sendo que sua área total abrange 166,7 km².

Na moderna língua hebraica é conhecido por Yam Kinneret.

O seu afluente principal é o rio Jordão, que vem do monte Hérmon e de Cesareia de Filipe, e que é também o seu efluente, seguindo depois para o mar Morto.

O mar da Galileia fica a 213 metros abaixo do nível do mar Mediterrâneo e é considerado um mar isolado por não ter nenhuma ligação com outros mares ou oceanos.

Nos tempos do Novo Testamento, ficavam nas suas costas a cidade de Tiberíades — fundada por Herodes Antipas ao tempo da infância de Jesus —, Cafarnaum, Betsaida e Genesaré, entre outras. Hoje Tiberíades é a localidade principal nas margens do lago. A nordeste deste lago ficam os colinas de Golã.

Era cristã

Grande parte do ministério de Jesus decorreu nas margens do lago de Genesaré. Naqueles tempos, havia uma faixa de povoamentos à volta do lago e muito comércio e transporte por barco. No entanto, sabe-se que a Galileia era uma região mais pobre do que a Judeia, de modo que a população do local atravessava momentos difíceis durante o primeiro século da era comum.

Jesus andando sobre as aguas

Jesus andando sobre as águas do mar da Galileia

por Amédée Varin

Os evangelhos de Marcos (Mc 1,14-20) e Mateus(Mt 4,18-22) descrevem como Jesus recrutou quatro dos seus apóstolos nas margens do lago de Genesaré: o pescador Pedro e seu irmão André, e os irmãos João e Tiago.

Um famoso episódio evangélico, o Sermão da Montanha, teve lugar numa colina com vista para o lago e muitos dos milagres de Jesus também aconteceram aqui: caminhada pela água, acalmar uma tempestade, alimentar cinco mil pessoas e muitos outros.

No século II

No ano 135, os judeus foram derrotados na terceira guerra judaico-romana, também chamada revolta de Bar Kohba. Os romanos responderam com o exílio forçado de todos os judeus de Jerusalém. O centro da cultura judaica passou então a ser esta região do Quineret, particularmente a cidade de Tiberíades. Foi provavelmente nesta região que o chamado “Talmude de Jerusalém” foi compilado.

————————————————

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Mar_da_Galileia

 

******************

EVANGELHO DE MARCOS

MAPA DA PALESTINA

Responsável por este trabalho:

Xavier Cutajar

xacute@uol.com.br       http://xacute1.com

JUDEIA

terça-feira, dezembro 15th, 2015

JUDEIA

DECÁPOLIS

terça-feira, dezembro 15th, 2015

DECÁPOLIS

Mc 5, 20;  7,31

Decápole é uma palavra grega que significa “dez cidades”.

O vocábulo desígna 10 cidades onde predominava a cultura grega, localizadas a Leste do Jordão (exceto Escitópolis). Embora existam diferentes listas, normalmente essa é a lista das cidades que a constitue:
1. Canata.
2. Damasco,

a capital da Síria.
3. Dion.
4. Escitópolis.
5. Gadara.
6. Gerasa.
7. Hippos

8. Pela.
9. Filadélfia, atual Aman,

a capital da Jordânia.
10. Rafana.

The-Decapolis-map.svg

Não sabemos exatamente se essas cidades algum dia constituíram uma unidade administrativa ou se era somente uma indicação geográfica. É certo que a partir do ano 44 depois de Cristo todas essas cidades passaram a pertencer à Província Romana da Síria.

A região é mencionada algumas vezes nos evangelhos. Mateus, por exemplo, diz que também da Decápole vinha gente para ver Jesus (4,25). Marcos 5 fala da cura do endemoniado na região de Gerasa. O mesmo evangelho diz que Jesus, voltando de Tiro, seguiu em direção do Mar da Galiléia, passando por Sidônia e atravessando a região da Decápole (Marcos 7,31).

_______________

http://www.abiblia.org/ver.php?id=533&id_autor=2&id_utente=&caso=perguntas

JESUS

terça-feira, dezembro 15th, 2015
JESUS 80 VEZES
PESQUISA DA BÍBLIA PASTORAL

357   Mc    1,  1|      Começo da Boa Notícia de Jesus, o Messias, o .
 358   Mc    1,  9|                       9 Nesses dias, Jesus chegou de Nazaré da Galiléia,
 359   Mc    1, 10|                          10 Logo que Jesus saiu da água, viu o céu
 360   Mc    1, 12|           seguida o Espírito impeliu Jesus para o deserto.
 361   Mc    1, 13|                                 13 E Jesus ficou no deserto durante
 362   Mc    1, 13|  era tentado por Satanás. Jesus vivia entre os animais selvagens,
 363   Mc    1, 14|              João Batista foi preso, Jesus voltou para a Galiléia,
 364   Mc    1, 16|   beira do mar da Galiléia, Jesus viu Simão e seu irmão André;
 365   Mc    1, 17|                                   17 Jesus disse para eles: «Sigam-
 366   Mc    1, 18|       deixaram as redes e seguiram a Jesus.~
 367   Mc    1, 19|          Caminhando mais um pouco, Jesus viu Tiago e João, filhos
 368   Mc    1, 20|                                   20 Jesus logo os chamou. E eles deixaram
 369   Mc    1, 20|  empregados e partiram, seguindo a Jesus.
 370   Mc    1, 21|    Cafarnaum e, no sábado, Jesus entrou na sinagoga e começou
 371   Mc    1, 22| ensinamento, porque Jesus ensinava como quem tem autoridade
 372   Mc    1, 24|          24 «Que queres de nós, Jesus Nazareno? Vieste para nos
 373   Mc    1, 25|                                   25 Jesus ameaçou o espírito mau:
 374   Mc    1, 28|                       28 E a fama de Jesus logo se espalhou por toda
 375   Mc    1, 30|            logo eles contaram isso a Jesus.
 376   Mc    1, 31|                                   31 Jesus foi aonde ela estava, segurou
 377   Mc    1, 32|           do pôr-do-sol, levavam a Jesus todos os doentes e os que
 378   Mc    1, 34|                                   34 Jesus curou muitas pessoas de
 379   Mc    1, 34|  demônios sabiam quem era Jesus,
 380   Mc    1, 34|                            e por isso Jesus não deixava que eles falassem.
 381   Mc    1, 35|          quando ainda estava escuro, Jesus se levantou e foi rezar
 382   Mc    1, 36|          companheiros foram atrás de Jesus
 383   Mc    1, 38|                                   38 Jesus respondeu: «Vamos para outros
 384   Mc    1, 39|                                 39 E Jesus andava por toda a Galiléia,
 385   Mc    1, 40|              leproso chegou perto de Jesus e pediu de joelhos: «Se
 386   Mc    1, 41|                                   Jesus ficou cheio de ira, estendeu
 387   Mc    1, 43|                          Então Jesus o mandou logo embora, ameaçando-
 388   Mc    1, 45|         Por isso, Jesus não podia mais entrar publicamente
 389   Mc    2,  1|                1 Alguns dias depois, Jesus entrou de novo na cidade
 390   Mc    2,  1|            espalhou a notícia de que Jesus estava em casa.
 391   Mc    2,  2|             nem na frente da casa. E Jesus anunciava a palavra.~
 392   Mc    2,  4|            não conseguiam chegar até Jesus, por causa da multidão.
 393   Mc    2,  4|            bem em cima do lugar onde Jesus estava, e pela abertura
 394   Mc    2,  5|       Vendo a fé que eles tinham, Jesus disse ao paralítico: «Filho,
 395   Mc    2,  8|                                    8 Jesus logo percebeu o que eles
 396   Mc    2, 10|             perdoar pecados, - disse Jesus ao paralítico -
 397   Mc    2, 13|                                   13 Jesus saiu de novo para a beira
 398   Mc    2, 13|       multidão ia ao seu encontro. E Jesus os ensinava.
 399   Mc    2, 14|              Enquanto ia caminhando, Jesus viu Levi, o filho de Alfeu,
 400   Mc    2, 15|                       15 Mais tarde, Jesus estava comendo na casa de
 401   Mc    2, 15|     e pecadores na mesa com Jesus e seus discípulos;
 402   Mc    2, 16|   fariseus, viram que Jesus estava comendo com pecadores
 403   Mc    2, 16| «Por que Jesus come e bebe junto com cobradores
 404   Mc    2, 17|                                   17 Jesus ouviu e respondeu: «As pessoas
 405   Mc    2, 18|           Então alguns perguntaram a Jesus: «Por que os discípulos
 406   Mc    2, 19|                                   19 Jesus respondeu: «Vocês acham
 407   Mc    2, 23|                23 Num dia de sábado, Jesus estava passando por uns
 408   Mc    2, 24| os fariseus perguntaram a Jesus: «Vê: por que os teus discípulos
 409   Mc    2, 25|                                   25 Jesus perguntou aos fariseus: «
 410   Mc    2, 27|                                 27 E Jesus acrescentou: «O sábado foi
 411   Mc    3,  1|                                    1 Jesus entrou de novo na sinagoga,
 412   Mc    3,  2|         espiando, para verem se Jesus ia curá-lo em dia de sábado,
 413   Mc    3,  3|                                    3 Jesus disse ao homem da mão seca: «
 414   Mc    3,  5|                                    5 Jesus então olhou ao seu redor,
 415   Mc    3,  6|           faziam um plano para matar Jesus.
 416   Mc    3,  7|                                    7 Jesus se retirou para a beira
 417   Mc    3,  8|           Tiro e da Sidônia, foi até Jesus, porque tinha ouvido falar
 418   Mc    3,  9|                              9 Então Jesus pediu aos discípulos que
 419   Mc    3, 10|                       10 Com efeito, Jesus tinha curado muitas pessoas,
 420   Mc    3, 11|                             11 Vendo Jesus, os espíritos maus caíam
 421   Mc    3, 12|                               12 Mas Jesus ordenava severamente para
 422   Mc    3, 13|                                   13 Jesus subiu ao monte e chamou
 423   Mc    3, 14|                             14 Então Jesus constituiu o grupo dos Doze,
 424   Mc    3, 20|                                   20 Jesus foi para casa, e de novo
 425   Mc    3, 21|       souberam disso, os parentes de Jesus foram segurá-lo,
 426   Mc    3, 21|           mesmos estavam dizendo que Jesus tinha ficado louco.
 427   Mc    3, 23|                             23 Então Jesus chamou as pessoas e falou
 428   Mc    3, 30|                                   30 Jesus falou isso porque estavam
 429   Mc    3, 31|    chegaram a mãe e os irmãos de Jesus; ficaram do lado de fora
 430   Mc    3, 32|   multidão sentada ao redor de Jesus. Então lhe disseram: «Olha,
 431   Mc    3, 33|                                   33 Jesus perguntou: «Quem é minha
 432   Mc    3, 34|                             34 Então Jesus olhou para as pessoas que
 433   Mc    4,  1|                                    1 Jesus começou a ensinar de novo
 434   Mc    4,  1|         em volta dele. Por isso, Jesus entrou numa barca e sentou-
 435   Mc    4,  2|                                    2 Jesus ensinava-lhes muitas coisas
 436   Mc    4,  9|                                  9 E Jesus dizia: «Quem tem ouvidos
 437   Mc    4, 10|                            10 Quando Jesus ficou sozinho, os que estavam
 438   Mc    4, 11|                                   11 Jesus disse para eles: «Para vocês,
 439   Mc    4, 13|                                   13 Jesus lhes perguntou: «Vocês não
 440   Mc    4, 21|                                   21 Jesus continuou: «Quem é que traz
 441   Mc    4, 24|                                 24 E Jesus dizia ainda: «Prestem atenção
 442   Mc    4, 26|                                 26 E Jesus continuou dizendo: «O Reino
 443   Mc    4, 30|                                   30 Jesus dizia ainda: «Com que coisa
 444   Mc    4, 33|                                   33 Jesus anunciava a Palavra usando
 445   Mc    4, 34|                   34 Para a multidão Jesus só falava com parábolas,
 446   Mc    4, 35|               quando chegou a tarde, Jesus disse a seus discípulos: «
 447   Mc    4, 36|           o levaram na barca, onde Jesus já se encontrava. E outras
 448   Mc    4, 38|                                   38 Jesus estava na parte de trás
 449   Mc    4, 39|                             39 Então Jesus se levantou e ameaçou o
 450   Mc    4, 40|                            40 Depois Jesus perguntou aos discípulos: «
 451   Mc    5,  1|                                    1 Jesus e seus discípulos chegaram
 452   Mc    5,  2|                           2 Logo que Jesus saiu da barca, um homem
 453   Mc    5,  6|                              6 Vendo Jesus de longe, o endemoninhado
 454   Mc    5,  7|               Que há entre mim e ti, Jesus, Filho do Deus altíssimo?
 455   Mc    5,  8|        homem falou assim, porque Jesus tinha dito: «Espírito mau,
 456   Mc    5,  9|                              9 Então Jesus perguntou: «Qual é o seu
 457   Mc    5, 10|      com insistência para que Jesus não o expulsasse da região.~
 458   Mc    5, 13|                                   13 Jesus deixou. Os espíritos maus
 459   Mc    5, 15|              15 Foram até Jesus, viram o endemoninhado sentado,
 460   Mc    5, 17|  começaram a suplicar que Jesus fosse embora da região deles
 461   Mc    5, 18|                          18 Enquanto Jesus entrava de novo na barca,
 462   Mc    5, 19|                                   19 Jesus, porém, não deixou. E, em
 463   Mc    5, 20|          pela Decápole tudo o que Jesus tinha feito por ele. E todos
 464   Mc    5, 21|                                   21 Jesus atravessou de barca novamente
 465   Mc    5, 21|              se reuniu junto dele, e Jesus ficou na praia.
 466   Mc    5, 22|            chamado Jairo. Quando viu Jesus, caiu a seus pés,
 467   Mc    5, 24|                                   24 Jesus acompanhou Jairo. E numerosa
 468   Mc    5, 27|         mulher tinha ouvido falar de Jesus. Então ela foi no meio da
 469   Mc    5, 27|             aproximou-se de Jesus por trás e tocou na roupa
 470   Mc    5, 30|                                   30 Jesus percebeu imediatamente que
 471   Mc    5, 32|                               32 Mas Jesus ficou olhando em volta para
 472   Mc    5, 33|           Então foi, caiu aos pés de Jesus e contou toda a verdade.
 473   Mc    5, 34|                                   34 Jesus disse à mulher: «Minha filha,
 474   Mc    5, 35|                                   35 Jesus ainda estava falando, quando
 475   Mc    5, 36|                                   36 Jesus ouviu a notícia e disse
 476   Mc    5, 37|                                 37 E Jesus não deixou que ninguém o
 477   Mc    5, 38|         casa do chefe da sinagoga, Jesus viu a confusão e ouviu as
 478   Mc    5, 39|                                   39 Jesus entrou e disse: «Por que
 479   Mc    5, 40| a zombar dele. Mas Jesus mandou que todos saíssem,
 480   Mc    5, 41|                                   41 Jesus pegou a menina pela mão
 481   Mc    5, 43|                                   43 Jesus recomendou com insistência
 482   Mc    6,  1|                                    1 Jesus foi para Nazaré, sua terra,
 483   Mc    6,  2| Quando chegou o sábado, Jesus começou a ensinar na sinagoga.
 484   Mc    6,  3|          escandalizados por causa de Jesus.
 485   Mc    6,  4|                              4 Então Jesus dizia para eles que um profeta
 486   Mc    6,  5|                                  5 E Jesus não pôde fazer milagres
 487   Mc    6,  6|                                  6 E Jesus ficou admirado com a falta
 488   Mc    6,  6|                             Jesus começou a percorrer as redondezas,
 489   Mc    6,  8|                                    8 Jesus recomendou que não levassem
 490   Mc    6, 10|                                 10 E Jesus disse ainda: «Quando vocês
 491   Mc    6, 14|   rei Herodes ouviu falar de Jesus, cujo nome tinha-se tornado
 492   Mc    6, 30|  apóstolos se reuniram com Jesus e contaram tudo o que haviam
 493   Mc    6, 31|              e saía, a tal ponto que Jesus e os discípulos não tinham
 494   Mc    6, 31|    tempo nem para comer. Então Jesus disse para eles: «Vamos
 495   Mc    6, 34|             34 Quando saiu da barca, Jesus viu uma grande multidão
 496   Mc    6, 35|         discípulos chegaram perto de Jesus e disseram: «Este lugar
 497   Mc    6, 37|                               37 Mas Jesus respondeu: «Vocês é que
 498   Mc    6, 38|                                   38 Jesus perguntou: «Quantos pães
 499   Mc    6, 39|                       39 Então Jesus mandou que todos se sentassem
 500   Mc    6, 41|                            41 Depois Jesus pegou os cinco pães e os
501   Mc    6, 45|                   45 Logo em seguida Jesus obrigou os discípulos a
 502   Mc    6, 47|              estava no meio do mar e Jesus sozinho em terra.
 503   Mc    6, 48|     seis horas da madrugada, Jesus foi até os discípulos andando
 504   Mc    6, 50|        ficaram assustados. Mas Jesus logo falou: «Coragem! Sou
 505   Mc    6, 54|           imediatamente reconheceram Jesus.
 506   Mc    6, 55|          lugar onde ouviam falar que Jesus estava.
 507   Mc    6, 56|            tocar a barra da roupa de Jesus. E todos os que tocaram,
 508   Mc    7,  1|              se reuniram em volta de Jesus.
 509   Mc    7,  5|        Lei perguntaram então a Jesus: «Por que os teus discípulos
 510   Mc    7,  6|                                    6 Jesus respondeu: «Isaías profetizou
 511   Mc    7,  9|                                  9 E Jesus acrescentou: «Vocês são
 512   Mc    7, 14|                       14 Em seguida, Jesus chamou de novo a multidão
 513   Mc    7, 17|                            17 Quando Jesus entrou em casa, longe da
 514   Mc    7, 18|                                   18 Jesus disse: «Será que nem vocês
** 515   Mc    7, 19|   (Assim Jesus declarava que todos os alimentos
 516   Mc    7, 20|                                   20 Jesus continuou a dizer: «É o
 517   Mc    7, 24|                             24 Então Jesus saiu daí e foi para a região
 518   Mc    7, 25|         espírito mau, ouviu falar de Jesus. Foi até ele e caiu a seus
 519   Mc    7, 26|             da Síria. Ela suplicou a Jesus que expulsasse de sua filha
 520   Mc    7, 27|                                   27 Jesus disse: «Deixe que primeiro
 521   Mc    7, 29|                             29 Então Jesus disse: «Por causa disso
 522   Mc    7, 31|                                   31 Jesus saiu de novo da região de
 523   Mc    7, 32|           32 Levaram então a Jesus um homem surdo e que falava
 524   Mc    7, 32|           dificuldade, e pediram que Jesus pusesse a mão sobre ele.
 525   Mc    7, 33|                                   33 Jesus se afastou com o homem para
 526   Mc    7, 36|                                   36 Jesus recomendou com insistência
 527   Mc    7, 37|            impressionados e diziam: «Jesus faz bem todas as coisas.
 528   Mc    8,  1|      não tinham o que comer. Jesus chamou os discípulos e disse:
 529   Mc    8,  5|                                    5 Jesus perguntou: «Quantos pães
 530   Mc    8,  6|                                    6 Jesus mandou que a multidão se
 531   Mc    8,  9|             mais ou menos quatro mil. E Jesus os despediu.
 532   Mc    8, 10|                                   10 Jesus entrou na barca com seus
 533   Mc    8, 11|         começaram a discutir com Jesus. E, para tentá-lo, pediam-
 534   Mc    8, 12|                               12 Mas Jesus deu um suspiro profundo
 535   Mc    8, 13|                   13 E, deixando-os, Jesus entrou de novo na barca
 536   Mc    8, 15|                             15 Então Jesus os advertiu: «Prestem atenção
 537   Mc    8, 17|                               17 Mas Jesus percebeu e perguntou: «Por
 538   Mc    8, 20|                                   20 Jesus perguntou: «E quando reparti
 539   Mc    8, 21|                                   21 Jesus disse: «E vocês ainda não
 540   Mc    8, 22|        levaram um cego e pediram que Jesus tocasse nele.
 541   Mc    8, 23|                                   23 Jesus pegou o cego pela mão, levou-
 542   Mc    8, 25|                             25 Então Jesus pôs de novo as mãos sobre
 543   Mc    8, 26|                                   26 Jesus mandou o homem ir para casa,
 544   Mc    8, 27|                                   27 Jesus partiu com seus discípulos
 545   Mc    8, 29|                             29 Então Jesus perguntou-lhes: «E vocês,
 546   Mc    8, 30|                             30 Então Jesus proibiu severamente que
 547   Mc    8, 31|     31 Em seguida, Jesus começou a ensinar os discípulos,
 548   Mc    8, 32|                                 32 E Jesus dizia isso abertamente.
 549   Mc    8, 32|      Então Pedro levou Jesus para um lado e começou a
 550   Mc    8, 33|                                   33 Jesus virou-se, olhou para os
 551   Mc    8, 34|                   34 Então Jesus chamou a multidão e os discípulos.
 552   Mc    9,  1|                                  1 E Jesus dizia: «Eu garanto a vocês:
 553   Mc    9,  2|                  2 Seis dias depois, Jesus tomou consigo Pedro, Tiago
 554   Mc    9,  4|          Moisés, que conversavam com Jesus.~
 555   Mc    9,  5|            tomou a palavra e disse a Jesus: «Mestre, é bom ficarmos
 556   Mc    9,  8|           ninguém, a não ser somente Jesus com eles.~
 557   Mc    9,  9|         Ao descerem da montanha, Jesus recomendou-lhes que não
 558   Mc    9, 11|             discípulos perguntaram a Jesus: «Por que os doutores da
 559   Mc    9, 12|                                   12 Jesus respondeu: «Antes vem Elias
 560   Mc    9, 14|                       14 Quando Jesus, Pedro, Tiago e João chegaram
 561   Mc    9, 15|              Logo que a multidão viu Jesus, ficou surpresa e correu
 562   Mc    9, 16|                                   16 Jesus perguntou aos discípulos: «
 563   Mc    9, 19|                                   19 Jesus disse: «Ó gente sem fé!
 564   Mc    9, 20|        Quando o espírito viu Jesus sacudiu violentamente o
 565   Mc    9, 21|                                   21 Jesus perguntou ao pai: «Desde
 566   Mc    9, 23|                                   23 Jesus disse: «Se podes!... Tudo
 567   Mc    9, 25|                                   25 Jesus viu que a multidão corria
 568   Mc    9, 27|                         27 Mas Jesus pegou a mão do menino, levantou-
 569   Mc    9, 28|                  28 Depois que Jesus entrou em casa, os discípulos
 570   Mc    9, 29|                                   29 Jesus respondeu: «Essa espécie
 571   Mc    9, 30|                 30 Partindo daí Jesus e seus discípulos atravessavam
 572   Mc    9, 30          Galiléia. Jesus não queria que ninguém soubesse
 573   Mc    9, 32    discípulos não compreendiam o que Jesus estava dizendo,
 574   Mc    9, 33|Cafarnaum e estavam em casa, Jesus perguntou aos discípulos:
 575   Mc    9, 35|                             35 Então Jesus se sentou, chamou os Doze
 576   Mc    9, 36|                            36 Depois Jesus pegou uma criança e colocou-
 577   Mc    9, 38|                      38 João disse a Jesus: «Mestre, vimos um homem
 578   Mc    9, 39|                                   39 Jesus disse: «Não lhe proíbam,
 579   Mc   10,  1|                                    1 Jesus partiu daí e foi para o
 580   Mc   10,  1|   reuniram de novo em torno de Jesus. E ele, como de costume,
 581   Mc   10,  2|           fariseus se aproximaram de Jesus. Queriam tentá-lo e lhe
 582   Mc   10,  3|                                    3 Jesus perguntou: «O que é que
 583   Mc   10,  5|                                    5 Jesus então disse: «Foi por causa
 584   Mc   10, 11|                                   11 Jesus respondeu: «O homem que
 585   Mc   10, 13|   levaram crianças para que Jesus tocasse nelas.
 586   Mc   10, 14|                       14 Vendo isso, Jesus ficou zangado e disse: «
 587   Mc   10, 16|                       16 Então Jesus abraçou as crianças e abençoou-
 588   Mc   10, 17|                            17 Quando Jesus saiu de novo a caminhar,
 589   Mc   10, 18|                                   18 Jesus respondeu: «Por que você
 590   Mc   10, 21|                                   21 Jesus olhou para ele com amor,
 591   Mc   10, 23|                                   23 Jesus então olhou em volta e disse
 592   Mc   10, 24|    discípulos se admiraram com o que Jesus disse.
 593   Mc   10, 27|                                   27 Jesus olhou para os discípulos
 594   Mc   10, 28|       Pedro começou a dizer a Jesus: «Eis que nós deixamos tudo
 595   Mc   10, 29|                                   29 Jesus respondeu: «Eu garanto a
 596   Mc   10, 32|                                   32 Jesus e os discípulos estavam
 597   Mc   10, 32|           subindo para Jerusalém. Jesus ia na frente. Os discípulos
 598   Mc   10, 32|        atrás estavam com medo. Jesus chamou de novo os Doze à
 599   Mc   10, 35|           filhos de Zebedeu, foram a Jesus e lhe disseram: «Mestre,
 600   Mc   10, 36|                                   36 Jesus perguntou: «O que vocês
 601   Mc   10, 38|                                   38 Jesus então lhes disse: «Vocês
 602   Mc   10, 39|        responderam: «Podemos.» Jesus então lhes disse: «Vocês
 603   Mc   10, 42|                                   42 Jesus chamou-os e disse: «Vocês
 604   Mc   10, 46|                46 Chegaram a Jericó. Jesus saiu de Jericó, junto com
 605   Mc   10, 47| ouviu dizer que era Jesus Nazareno que estava passando,
 606   Mc   10, 47|        cego começou a gritar: «Jesus, filho de Davi, tem piedade
 607   Mc   10, 49|                             49 Então Jesus parou e disse: «Chamem o
 608   Mc   10, 49|          Coragem, levante-se, porque Jesus está chamando você.»
 609   Mc   10, 50|         manto, deu um pulo e foi até Jesus.
 610   Mc   10, 51|                             51 Então Jesus lhe perguntou: «O que você
 611   Mc   10, 52|                                   52 Jesus disse: «Pode ir, a sua fé
 612   Mc   10, 52|       começou a ver de novo e seguia Jesus pelo caminho.~
 613   Mc   11,  1|                                    1 Jesus e seus discípulos se aproximaram
 614   Mc   11,  1|           monte das Oliveiras. Então Jesus enviou dois discípulos,
 615   Mc   11,  6        discípulos responderam como Jesus havia dito,
 616   Mc   11,  7      Então levaram o jumentinho a Jesus, colocaram os próprios
 617   Mc   11,  7|         próprios mantos sobre ele, e Jesus montou.
 618   Mc   11, 11|                                   11 Jesus entrou em Jerusalém, no
 619   Mc   11, 12|          quando voltavam de Betânia, Jesus sentiu fome.
 620   Mc   11, 14|                             14 Então Jesus disse à figueira: «Que ninguém
 621   Mc   11, 15|             15 Chegaram a Jerusalém. Jesus entrou no Templo
 622   Mc   11, 18|  matá-lo. Mas tinham medo de Jesus, porque a multidão estava
 623   Mc   11, 19|                    19 Ao entardecer, Jesus e os discípulos saíram da
 624   Mc   11, 20|         20 Na manhã seguinte, Jesus e os discípulos, passando,
 625   Mc   11, 21|    Pedro lembrou-se e disse a Jesus: «Olha, Mestre: a figueira
 626   Mc   11, 22|                                   22 Jesus disse para eles: «Tenham
 627   Mc   11, 27|                                   27 Jesus e os discípulos foram de
 628   Mc   11, 27|   foram de novo a Jerusalém. Jesus estava andando no Templo.
 629   Mc   11, 29|                                   29 Jesus respondeu: «Vou fazer uma
 630   Mc   11, 33|          Então eles responderam a Jesus: «Não sabemos.»
 631   Mc   11, 33|                     E Jesus disse: «Pois eu também não
 632   Mc   12,  1|                                    1 Jesus começou a falar para eles
 633   Mc   12, 12|  judeus procuraram prender Jesus. Eles tinham entendido muito
 634   Mc   12, 12|   entendido muito bem que Jesus havia contado essa parábola
 635   Mc   12, 12|       multidão e, por isso, deixaram Jesus e foram embora.
 636   Mc   12, 13|              Herodes, para apanharem Jesus em alguma palavra.
 637   Mc   12, 14|  Quando chegaram, disseram a Jesus: «Mestre, sabemos que tu
 638   Mc   12, 15|                                   15 Jesus percebeu a hipocrisia deles,
 639   Mc   12, 16|            Eles levaram a moeda, e Jesus perguntou: «De quem é a
 640   Mc   12, 17|                             17 Então Jesus disse: «Pois devolvam a
 641   Mc   12, 17|    eles ficaram admirados com Jesus.
 642   Mc   12, 18|          Alguns deles foram até Jesus, e lhe propuseram este caso:
 643   Mc   12, 24|                                   24 Jesus respondeu: «Vocês estão
 644   Mc   12, 28|         ouviu a discussão. Vendo que Jesus tinha respondido bem,
 645   Mc   12, 29|                         29 Jesus respondeu: «O primeiro mandamento
 646   Mc   12, 32|           O doutor da Lei disse a Jesus: «Muito bem, Mestre! Como
 647   Mc   12, 34|                                   34 Jesus viu que o doutor da Lei
 648   Mc   12, 34|         coragem de fazer perguntas a Jesus.
 649   Mc   12, 35|                                   35 Jesus ensinava no Templo, dizendo: «
 650   Mc   12, 38|                                 38 E Jesus continuava ensinando: «Tenham
 651   Mc   12, 41|                                   41 Jesus estava sentado diante do
 652   Mc   12, 43|                             43 Então Jesus chamou os discípulos, e
 653   Mc   13,  1|                             1 Quando Jesus saiu do Templo, um discípulo
 654   Mc   13,  2|                                    2 Jesus respondeu: «Você está vendo
 655   Mc   13,  3|                                    3 Jesus estava sentado no monte
 656   Mc   13,  5|                                    5 Jesus começou a dizer: «Cuidado
 657   Mc   14,  1|              modo esperto de prender Jesus e depois matá-lo.
 658   Mc   14,  3|                                    3 Jesus estava em Betânia, na casa
 659   Mc   14,  3|      derramou o perfume na cabeça de Jesus.
 660   Mc   14,  6|                                6 Mas Jesus disse a eles: «Deixem-na.
 661   Mc   14, 10|            sacerdotes, para entregar Jesus.
 662   Mc   14, 11|           oportunidade para entregar Jesus.
 663   Mc   14, 12|        discípulos perguntaram a Jesus: «Onde queres que vamos
 664   Mc   14, 13|                                   13 Jesus mandou então dois de seus
 665   Mc   14, 16|        Encontraram tudo como Jesus havia dito. E prepararam
 666   Mc   14, 17|                 17 Ao cair da tarde, Jesus chegou com os Doze.
 667   Mc   14, 18|     estavam à mesa comendo, Jesus disse: «Eu garanto a vocês:
 668   Mc   14, 19|              do outro, perguntaram a Jesus: «Será que sou eu?»
 669   Mc   14, 20|                                   20 Jesus lhes disse: «É um dos Doze.
 670   Mc   14, 22| Enquanto comiam, Jesus tomou um pão e, tendo pronunciado
 671   Mc   14, 24|                                 24 E Jesus lhes disse: «Isto é o meu
 672   Mc   14, 27|                             27 Então Jesus disse aos discípulos: «Vocês
 673   Mc   14, 29|               29 Pedro declarou a Jesus: «Mesmo que todos fiquem
 674   Mc   14, 30|                                   30 Jesus disse a Pedro: «Eu garanto
 675   Mc   14, 32| Getsêmani. Então Jesus disse aos discípulos: «Sentem-
 676   Mc   14, 33|                                   33 Jesus levou consigo Pedro, Tiago
 677   Mc   14, 35|                                   35 Jesus foi um pouco mais adiante,
 678   Mc   14, 37|                            37 Depois Jesus voltou, encontrou os três
 679   Mc   14, 39|                                   39 Jesus se afastou de novo e rezou,
 680   Mc   14, 40|             não sabiam o que dizer a Jesus.
 681   Mc   14, 41|                             41 Então Jesus voltou pela terceira vez,
 682   Mc   14, 43|        43 Logo mais, enquanto Jesus ainda falava, chegou Judas,
 683   Mc   14, 44|             eles um sinal, dizendo: «Jesus é aquele que eu beijar.
 684   Mc   14, 45|          Judas logo se aproximou de Jesus, dizendo: «Mestre!» E o
 685   Mc   14, 46|          eles lançaram as mãos sobre Jesus, e o prenderam.
 686   Mc   14, 48|                                   48 Jesus perguntou: «Vocês saíram
 687   Mc   14, 50|           todos fugiram, abandonando Jesus.
 688   Mc   14, 51|              lençol, estava seguindo Jesus, e eles o prenderam.
 689   Mc   14, 53|          53 Então eles levaram Jesus à casa do sumo sacerdote.
 690   Mc   14, 54|                      54 Pedro seguiu Jesus de longe, e entrou no pátio
 691   Mc   14, 55|       Sinédrio procuravam contra Jesus algum testemunho, a fim
 692   Mc   14, 56|   testemunhavam falsamente contra Jesus, mas os testemunhos
 693   Mc   14, 57|      testemunharam falsamente contra Jesus,
 694   Mc   14, 60|          meio de todos, interrogou a Jesus: «Nada tens a responder
 695   Mc   14, 61|                               61 Mas Jesus continuou calado, e nada
 696   Mc   14, 62|                                   62 Jesus respondeu: «Eu sou. E vocês
 697   Mc   14, 64|            todos eles decretaram que Jesus era réu de morte.~
 698   Mc   14, 65|       alguns começaram a cuspir em Jesus.
 699   Mc   14, 65|           Cobriram o rosto de Jesus e o esbofeteavam, dizendo: «
 700   Mc   14, 67|               Você também estava com Jesus Nazareno!»
 701   Mc   14, 72|        Pedro se lembrou de que Jesus lhe havia dito: «Antes que
 702   Mc   15,  1|     Amarraram Jesus, o levaram e entregaram
 703   Mc   15,  2|               2 Pilatos interrogou a Jesus: «Tu és o rei dos judeus?»
 704   Mc   15,  2|       Tu és o rei dos judeus?» Jesus respondeu: «É você que está
 705   Mc   15,  3|              muitas acusações contra Jesus.
 706   Mc   15,  5|                                5 Mas Jesus não respondeu mais nada,
 707   Mc   15, 10|          sacerdotes haviam entregado Jesus por inveja.
 708   Mc   15, 12|                O que farei então com Jesus que vocês chamam de rei
 709   Mc   15, 15|      mandou flagelar Jesus e o entregou para ser crucificado. ~
 710   Mc   15, 16|            Então os soldados levaram Jesus para o pátio, dentro do
 711   Mc   15, 17|                  17 Vestiram Jesus com um manto vermelho, teceram
 712   Mc   15, 20|  Depois de zombarem de Jesus, tiraram-lhe o manto vermelho,
 713   Mc   15, 21|           Simão a carregar a cruz de Jesus.~
 714   Mc   15, 22|                     22 Levaram Jesus para o lugar chamado Gólgota,
 715   Mc   15, 23|             misturado com mirra, mas Jesus não tomou.
 716   Mc   15, 25|            manhã quando crucificaram Jesus.
 717   Mc   15, 32|   que foram crucificados com Jesus também o insultavam.
 718   Mc   15, 34|           Pelas três horas da tarde, Jesus deu um forte grito: «Eloi,
 719   Mc   15, 36|           de uma vara, e deu para Jesus beber, dizendo: «Deixem,
 720   Mc   15, 37|                             37 Então Jesus lançou um forte grito, e
 721   Mc   15, 39|             frente da cruz, viu como Jesus havia expirado, e disse: «
 722   Mc   15, 41|      acompanhado e servido a Jesus, desde quando ele estava
 723   Mc   15, 41|        aí, pois tinham ido com Jesus a Jerusalém.
 724   Mc   15, 43|          Pilatos, e pediu o corpo de Jesus.
 725   Mc   15, 44|           Pilatos ficou admirado que Jesus já tivesse morrido.
 726   Mc   15, 44|             exército, e perguntou se Jesus já estava morto.
 727   Mc   15, 46|          lençol. Em seguida, colocou Jesus num túmulo,
 728   Mc   15, 47|          Joset, ficaram olhando onde Jesus tinha sido colocado.~
 729   Mc   16,  1|       perfumes para ungir o corpo de Jesus.
 730   Mc   16,  6|   Vocês estão procurando Jesus de Nazaré, que foi crucificado?

731   Mc   16,  9|      primeiro dia após o sábado, Jesus apareceu primeiro a Maria
 732   Mc   16, 10| anunciar isso aos seguidores de Jesus, que estavam de luto e
 733   Mc   16, 12|                       12 Em seguida, Jesus apareceu a dois deles, com
 734   Mc   16, 14|                          14 Por fim, Jesus apareceu aos onze discípulos
 735   Mc   16, 14|    enquanto estavam comendo. Jesus os repreendeu por causa
 736   Mc   16, 15|                             15 Então Jesus disse-lhes: «Vão pelo mundo
 737   Mc   16, 19|       os discípulos, o Senhor Jesus foi levado ao céu, e sentou-

SENHOR EM MARCOS

terça-feira, dezembro 15th, 2015

QUEM É  ‘O SENHOR’ em Marcos 1-16,8?

DEUS    -    JESUS     -     Dono ou Patrão

Mc  1,  3:  Preparem o caminho do Senhor(_______), endireitem suas estradas!»
Mc  2,28:  Portanto, o Filho do Homem é Senhor(_______) até mesmo do sábado.
Mc  5,19:  Jesus lhe disse: "Vá para sua casa, para junto dos seus,
           e anuncie para eles tudo o que o Senhor(_______), em sua misericórdia, fez por você."
Mc  7,28:  A mulher respondeu: "É verdade, Senhor(_______);
           mas também os cachorrinhos ficam debaixo da mesa   
           e comem as migalhas que as crianças deixam cair."
Mc 11,  3: Se alguém lhes falar: 'Por que estão fazendo isso?', digam:
           'O Senhor(_______) precisa dele, mas logo devolverá de novo."
Mc 11,  9: Os que iam na frente e os que seguiam gritavam:
           "Hosana! Bendito aquele que vem em nome do Senhor(_______)!
Mc 12, 9: Que fará o Senhor(_______) da vinha?
          Ele virá, destruirá os agricultores, e entregará a vinha a outros.
Mc 12, 10 Por acaso, vocês não leram na Escritura:
         'A pedra que os construtores rejeitaram, tornou-se a pedra angular
        11 isso foi feito pelo Senhor(_______) e é admirável aos nossos olhos'?"
Mc 12,29 Jesus  respondeu: "O primeiro mandamento é este: Ouve, ó Israel!
         O Senhor (_______)  nosso Deus é o único Senhor(_______)!
      30 E ame ao Senhor(_______) seu Deus com todo o seu  coração,
         com toda a sua alma, com todo o seu entendimento e com toda a sua força.
Mc 12,36 O próprio Davi, movido pelo ESPÍRITO SANTO, falou:
         'O Senhor(_______) disse ao meu Senhor(_______):  
         sente-se à minha direita,  até que eu ponha seus inimigos debaixo de seus pés'.
      37  Portanto, o próprio Davi O (Messias) chama de Senhor(_______).
          Como é que ele pode então ser seu filho?"
Mc 13,20: Se o Senhor(_______)  não abreviasse esses dias, ninguém conseguiria salvar-se.
          Mas, Ele abreviou aqueles dias, por causa dos eleitos que escolheu.
Mc 13,35: Vigiem, portanto, porque vocês não sabem  quando o Senhor(_______) da casa vai voltar;
          pode ser à tarde, à meia-noite, de madrugada ou pelo amanhecer. 
      36  Se ele vier de repente, não deve encontrá-los dormindo.

                     Quantas vezes O SENHOR se refere a DEUS?_____
                     Quantas vezes O SENHOR se refere a JESUS?_____
                     Quantas vezes O SENHOR se refere a DONO?_____

No Apêndice: Mc 16,19: O Senhor Jesus = o Ressuscitado e
             Mc 16,20: O Senhor = Espírito Santo.
 ******************************************************************

SENHOR (=Jesus:7vz)(=Deus:7vz)(=patrão=2vz)
  Mc   1,  3          Preparem o caminho do Senhor**, endireitem suas estradas
  Mc   2, 28         Portanto, o Filho do Homem é senhor** até mesmo do sábado
  Mc   5, 19       anuncie para eles tudo o que o Senhor**, em sua misericórdia, fez
  Mc   7, 28  a  mulher respondeu: «É verdade, Senhor**; mas ... os cachorrinhos
  Mc 11,  3            fazendo isso?’, digam: ‘O Senhor** precisa dele, mas logo o
  Mc 11,  9            aquele que vem em nome do Senhor*!
  Mc 12, 9                Que fará o Senhor da vinha?
  Mc 12, 11          isso foi feito pelo Senhor* e é admirável aos nossos
  Mc 12, 29          Ouça, ó Israel! O Senhor* nosso Deus é o único Senhor!
  Mc 12, 29          Senhor nosso Deus é o único Senhor*!
  Mc 12, 30          E ame ao Senhor* seu Deus com todo o seu
  Mc 12, 36          Espírito Santo, falou: ‘O Senhor* disse ao meu Senhor: sente-
  Mc 12, 36          O Senhor disse ao meu Senhor**: sente-se à minha direita,
  Mc 12, 37          Davi chama o Messias de Senhor**. Como é que ele pode então
  Mc 13, 20        Se o Senhor* não abreviasse esses dias,

Mc 13, 35  Vigiem… porque vocês não sabem quando o Senhor da casa vai voltar;


  Mc 16, 19           falar com os discípulos, o Senhor Jesus foi levado ao céu,
  Mc 16, 20           pregaram por toda parte. O Senhor os ajudava e, por meio dos

VEJA SENHOR NA BÍBLIA