MANGUEIRA

☆☆ ASSISTA AO DESFILE DA MANGUEIRA

**********************

☆☆ CONFIRA TODA A EVOLUÇÃO DA COMISSÃO DE FRENTE QUE A GLOBO NÃO MOSTRA.E OS APLAUSOS.

 

**********************

☆☆ Mangueira desmascara os “messias” e profetas da intolerância e do ódio no Portal Vermelho

☆☆ Jesus da gente: ‘Só ame!’ – Profecia da Mangueira no Carnaval de 2020 – Frei Gilvander no Dom Total

☆☆ “Jesus da Gente”: uma oportunidade de revisão da vida – Magali Cunha na Carta Capital

☆☆ “Esse foi o Jesus dos evangelhos e dos excluídos”, diz monge beneditino Marcelo Barros no Brasil De Fato

☆☆ Mangueira levou para a avenida o “Jesus da Gente”, não o do ódio fundamentalista. Por Joaquim de Carvalho no DCM

☆☆ “E se Jesus fosse mulher? Seu coração aceita? Seus olhos enxergam? Seu amor te limita?”, indaga a rainha de bateria da Mangueira – Evelyn Bastos na revista FORUM

☆☆ Samba-enredo da Mangueira mostra que Jesus não estaria ao lado da intolerância - Vencedora do Carnaval do Rio de 2019, escola de samba reforça a história de luta de Cristo contra o estado opressor por Nara Lacerda no Brasil de Fato

☆☆ A festa religiosa do Carnaval: a resistência alegre dos povos periféricos contra o conservadorismo elitista. Apesar do preconceito de parte da população, Festa de Momo continua sendo ferramenta política de combate à injustiça social. Entrevista especial com Aydano André Motta NA IHU

☆☆ CURSO DE HISTÓRIA: JESUS DA HISTÓRIA A PARTIR DO SAMBA ENREDO DA MANGUEIRA – do Canal PAZ E BEM DO CANAL 247 COM Pedro Lima Vasconcellos

**********************

☆☆ ASSISTA AO VIDEO DO SAMBA ENREDO DA MANGUEIRA

**********************

☆☆ VEJA A LETRA DO SAMBA-ENREDO DA MANGUEIRA 2020

O samba da Mangueira é uma ORAÇÃO. Um salmo atualizado:

Mangueira – Samba-Enredo 2020: “A Verdade Vos Fará Livre”

Compositores:-  Manu da Cuíca e Luis Carlos Máximo

Senhor, tenha piedade
Olhai para a terra
Veja quanta maldade

Mangueira
Samba, teu samba é uma reza
Pela força que ele tem
Mangueira
Vão te inventar mil pecados
Mas eu estou do seu lado
E do lado do samba também

Eu sou da Estação Primeira de Nazaré
Rosto negro, sangue índio, corpo de mulher
Moleque pelintra no buraco quente
Meu nome é Jesus da Gente

Nasci de peito aberto, de punho cerrado
Meu pai carpinteiro, desempregado
Minha mãe é Maria das Dores Brasil

Enxugo o suor de quem desce e sobe ladeira
Me encontro no amor que não encontra fronteira
Procura por mim nas fileiras contra a opressão
E no olhar da porta-bandeira pro seu pavilhão
E no olhar da porta-bandeira pro seu pavilhão

Eu tô que tô dependurado
Em cordéis e corcovados
Mas será que todo povo entendeu o meu recado?
Porque, de novo, cravejaram o meu corpo
Os profetas da intolerância
Sem saber que a esperança
Brilha mais na escuridão

Favela, pega a visão
Não tem futuro sem partilha
Nem messias de arma na mão
Favela, pega a visão
Eu faço fé na minha gente
Que é semente do seu chão

Do céu deu pra ouvir
O desabafo sincopado da cidade
Quarei tambor, da cruz fiz esplendor
E ressurgi pro cordão da liberdade

**********************

 aviary-image-1582666947663

**********************

☆☆ Análise da letra do Samba Enredo da Mangueira de 2020

**********************

☆☆ Papo Mangueira : entrevista com o carnavalesco Leandro Vieira

 

**********************

 

☆☆ DESTRINCHANDO O SAMBA – MANGUEIRA – 2020 - Explicação pelos próprios autores do Samba- Enredo

 

**********************

 

☆☆ Pastor Henrique Vieira comenta o enredo da Estação Primeira de Mangueira que fala sobre Jesus

 

**********************

 

☆☆ CAIO FÁBIO DIZ “AMÉM” AO SAMBA-ENREDO DA MANGUEIRA

 

**********************

 

☆☆ CONVERSA DE COMENTARISTA – MANGUEIRA 2020

 

**********************

 

☆☆ ENTENDA O SAMBA-ENREDO DA MANGUEIRA - Mangueira ameaçada por enredo sobre Jesus – por Renata Arruda

**********************

☆☆ A MANGUEIRA É AMEAÇADA POR ENREDO SOBRE JESUS. - Blog da Cidadania

 

**********************

 

☆☆ “Jesus é índio, negro, mulher também. Jesus para a gente não tem gênero”  - O carnavalesco Leandro Vieira, da Mangueira, dá detalhes do desfile político (e polêmico) que a escola levará para a Sapucaí em 2020 - da CARTA CAPITAL

**********************

☆☆ Reflexão do CEBI sobre o samba enredo da Mangueira

**********************

 

☆☆ LEONARDO BOFF :- O enredo da Escola de Samba da Mangueira: os ultra-conservadores representam os que tramaram a condenação de Jesus

**********************

☆☆ Boff: Brasil não aceita Jesus retratado pela Mangueira, que andava com pobres

**********************

☆☆ O CARNAVAL DA MANGUEIRA 2020 E OS “CATOLIBÃS” (O PERIGO ATUAL DAS MENTES TERRIVELMENTE CATÓLICAS) - “Deixa a Mangueira passar!” Por: Padre Gegê

**********************

☆☆ Testemunho de Dom Celso, Bispo emérito da Igreja Anglicana no Rio de Janeiro sobre o Samba-enredo da Mangueira.

Sobre o samba da Mangueira “A Verdade Vos Fará Livre”, que interpreta Jesus neste Carnaval – “Não existe ‘Messias’ de arma na mão”.
O comentário de Dom Celso Franco de Oliveira, Bispo Emérito da Igreja Episcopal Anglicana no Rio de Janeiro. Diante dos que distorcem a imagem de Jesus fazendo do Homem de Nazaré um objeto de ouro…pregando um Cristo dissociado da vida, arrogante e de mãos dados com o desastre ético e cultural que que está tomando conta do nosso País: “Se estes se calarem as pedras falarão. O Evangelho vem agora sendo proclamado na contramão dos que se dizem seguidores de Jesus. Vem da Mangueira, Vem de fora, não vem de teólogos..vem de poetas do povo (Manu da Cuíca e Luiz Carlos Máximo) da Mangueira que de forma sábia anunciam o Jesus dos pobres, .. dos que não são incluídos. ….Viva a Estação Primeira da Mangueira. Quando as cercas caírem no chão, eu vou sambar. Viva o Evangelho libertador que rompe com os grilhões da intolerância e da violência. Quero sambar com vocês no Bloco da Vida e da Esperança. Somos todos irmãos e filhos do mesmo Pai. Amém”.

**********************

☆☆ A jornalista Denise Assis, a teóloga e pastora luterana Lusmarina Campos Garcia conta detalhes sobre o grupo de 20 lideranças religiosas que abrirá o carnaval da Mangueira. “Eles estarão dizendo ao público que Cristo é um só. Qualquer que seja a crença”, diz Assis

**********************

**A verdade vos fará livres’: o samba-enredo da esperançaÉ preciso fazer como Cristo, se quisermos ser cristãos: colocarmo-nos ao lado dos crucificados e lutar com eles  – Eduardo César no DOM TOTAL

**********************

** A Verdade vos fará livre: sobre o samba-enredo da Mangueira – Tratar a pessoa humana como descarte é blasfemar contra Deus.- Élio Gasda no DOM TOTAL

 

**********************

 

☆☆ Sobre o Samba enredo da Mangueira - Do Pe Geraldo Natalino (Gegê)*

“Sou padre há 25 anos (jubileu) na diocese do Rio de Janeiro, mestre em teologia sistemático-pastoral pela PUC-RJ e doutor em ciência da religião pela PUC-SP. Como religioso católico, acolho a notícia do samba enredo da Mangueiira para o carnaval de 2020 como uma provocação às igrejas cristãs amordaçadas neste momento dramático e trágico na história do Brasil. Provocar (“provocare”) é “chamar para a briga”, incitar, desafiar… Desse modo, o enredo da Mangueira de 2020 “A VERDADE VOS FARÁ LIVRES” pode constituir um desafio aos que se dizem cristãos!

Certa feita, num livro antigo de Leonardo Boff, conheci o termo “profecia externa”. Para o teólogo, a expressão se referia a possibilidade de a sociedade, de diversificada forma, exercer a profecia, isso é, falar em nome de Deus na defesa da vida. Dizendo de outro modo, pessoas e grupos, como, por exemplo, movimentos sociais, em princípio, não religiosos, podem, as vezes com mais coragem do que os que se dizem seguidores ou seguidoras de Jesus, viver e lutar por um mundo de amor, justiça, igualdade, democracia e paz.

Nesse horizonte, recebo o enredo da Mangueira como “profecia externa”. O último pleito eleitoral revelou setores cristãos (católicos e evangélicos) despudoradamente aliados à grupos políticos promotores da violência e da matança dos pobres e indefesos. De forma explícita e velada grupos cristãos se apresentaram como coniventes dos esquadrões da morte. E todos esses grupos tem hoje nas mãos o sangue dos Wajãpi e responderão no juízo final por suas vidas brutalmente ceifadas. Muitos cristãos, sobretudo da hierarquia religiosa, jamais seriam capazes de assassinar, mas isso não os impede de amolar a faca para que outros o façam.

Em resumo, a capacidade de o cristianismo ser aliado dos vitimizados da história foi mais uma vez, terrivelmente, posta em cheque. De que lado estão os cristãos: do lado das vítimas ou dos carrascos? A Bíblia está repleta da denúncia acerca de profetas que se venderam e se calaram diante das atrocidades da história . O próprio Jesus aventou a possibilidade de, em face do silenciamento dos profetas, as pedras se pronunciarem na defesa da vida (“as pedras gritarão”). Então, é na contramão da apresentação, por parte de muitos cristãos, de um Jesus Cristo “açucarado”, conivente e insensível ante a dor dos pobres e segregados de toda sorte (indígenas, negros, mulheres, gays, terreiros etc..), que a Estacão Primeira de Mangueira, a meu juízo, profeticamente, pode estar mais próxima do Jesus dos Evangelhos do que muitos que não tiram a Bíblia debaixo dos braços e sabem citar de cor quaisquer capítulos ou versículos. Terá a narrativa da Mangueira mais pertinência e relevância que a dos doutos (e quase sempre arrolhados e encastelados) biblistas?

A propósito, o termo “Evangelho” quer dizer notícia feliz, interessante, oportuna e significante… De certo, é razoável pensar que o que interessa às vítimas seja diametralmente oposto ao que interessa aos verdugos; a notícia oportuna a senzala não é a mesma desejada pela casa grande. Considerando que Jesus não é propriedade privada de nenhuma igreja e que o Espirito Santo é livre e, por isso, fala onde quer e como quer, é possível pensar num Deus falando na Sapucaí, infelizmente, as vezes de forma mais potente do que nas igrejas.

Ler o Evangelho é também um ato político, uma interpretação que nasce de um “lugar de fala”, nos termos de Djamila Ribeiro. E não existe leitura – inclusive, bíblica – neutra! Praza Deus, o discurso da Mangueira, como diz Conceição Evaristo, consiga, na potência evangélica do samba, acordar a casa grande de seus sonos injustos! A Verdade que liberta o oprimido, ao mesmo tempo, desnuda e denuncia as mentiras do opressor!

Desejo, pois, que as igrejas cristãs se convertam do olhar colonialista , preconceituoso e racista para com o carnaval e tantas outras expressões culturais e religiosas afro-brasileiras. É hora de passarmos de uma política vincadamente policialesca para uma política do diálogo e da troca positiva. Ademais, o samba também evangeliza, inclusive aos que se dizem cristãos! Se as “pedras” podem profetizar, por que o samba não pode? Vale repetir: o Espírito Santo é livre e sopra onde quer! As vezes fala onde menos se espera… Deus é desconcertante! Da minha parte, como pesquisador das religiosidades das populações subalternizadas, estou, pessoal e visceralmente, ansioso e esperançoso para ver/ouvir a exegese bíblica do Samba, a versão, a hermenêutica decolonial de Leandro Vieira – o Evangelho de Jesus segundo a Estacão Primeira de Mangueira!”

*Padre Geraldo Natalino – mestre em teologia e doutor em ciência da religião – é conhecido popularmente no Complexo de Manguinhos como Padre “Gegê”.

 

**********************

 

☆☆ Samba-enredo da Mangueira – Posicionamento da IECLB

 

**********************

 

☆☆ ESCUTA O SAMBA ENREDO DA MANGUEIRA 2020

 

 

**********************

☆☆ CONHEÇA A ESTAÇÃO PRIMEIRA DA MANGUEIRA pela Wikipidia

 

**********************

 

** Carnaval e encarnação da profecia – A profecia saiu do ambiente religioso e se fez valer do carnaval por Felipe Magalhães Francisco do DOM TOTAL

**********************

** Alegria, alegria! – Carnaval, fé e política são eixos da nossa humanidade que, somente pelo amor e pela tolerância, é capaz de se tornar semelhante à humanidade de Cristo por Daniel Couto do DOM TOTAL

**********************

** Vozes proféticas nos extramuros da Igreja – Em tempos sombrios, é preciso assumir a subjetividade profética contida em todo homem e toda mulher por Rodrigo Ferreira da Costa do DOM TOTAL

 

**********************

☆☆ DOM HÉLDER CÂMARA E O CARNAVAL

FB_IMG_1582337169834

 

☆☆ DOM HÉLDER CÂMARA RECEBE O BLOCO DA SAUDADE

 

** Volta à PÁGINA PRINCIPAL

 

Responsável por este trabalho:

Xavier Cutajar

xacute@uol.com.br       http://xacute1.com

 

 

 

Leave a Reply