FÉ – CRER

FE – CRER

FE, TER FÉ, CRER, ACREDITAR

Qual é a diferença ente CRER  e ACREDITAR?

No grego se usa a  palavra ‘pistis’ tanto para ‘ter fé’, ‘crer’ ou ‘acreditar’, mas no português parece que há uma diferença fundamental entre crer e acreditar.

Quando há uma convicção se usa CREIO, ter fé.

Quando se refere a crenças que mudam… se usa o verbo acreditar…

 

Na 1ª carta de João:

1 Jo 3,23 E o seu mandamento é este: que creiamos no Nome do seu Filho Jesus Cristo e nos amemos uns aos outros, conforme o mandamento que ele nos deu.

1 Jo 4,1 Amados, não creem em qualquer espírito; antes, examinem se os espíritos são de Deus, pois no mundo já apareceram muitos falsos profetas.

1 Jo 4,16 E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós. (Cf. Jo 14,23-24) Deus é amor e quem permanece no amor permanece em Deus, e Deus permanece nele.

1Jo 5,1 Todo aquele que crê que Jesus é o Messias (Cristo),  nasceu de Deus; e todo aquele que ama aquele que o gerou,  ama também aquele que por este foi gerado.

1 Jo 5,5 De fato, quem pode vencer o mundo, senão aquele que crê que Jesus é o Filho de Deus?

1 Jo 5,10 Quem crê no Filho de Deus, tem esse testemunho dentro de si mesmo. Quem não crê em Deus, faz dele um mentiroso, porque não crê no testemunho que Deus deu em favor do seu Filho. 11 E o testemunho é este: Deus nos deu a Vida eterna, e esta Vida está em seu Filho. 12 Quem tem o Filho, tem a Vida; quem não tem o Filho de Deus, não tem a Vida.

1 Jo 5,13 Escrevo tudo isso para que vocês, que creem no Nome do Filho de Deus, estejam certos de que têm Vida eterna. (Cf Jo 20,30-31)

 

-CRER: no Evangelho de Marcos

Na Galiléia e arredores: Mc 1,15;  2,5; 4,40; 5,34.36; 6,6; 9,19.23.24.24.42; 10,52;

Em Jerusalém 11,22.23.24.31; 13,21;  15,32;      
No apêndice:  16,11.13.14.14.16.16.17

***************

O que é a FÉ para JESUS no Evangelho de Marcos

Mc 1,15 Convertam-se e creiam no EVANGELHO.”

Mc 2,5  Vendo a fé que eles tinham, Jesus disse ao paralítico: “Filho, os seus pecados estão perdoados.”

Mc 5,34: E disse à mulher: “Minha filha, sua fé curou (salvou) você. Vá em paz (9,50) e fique curada (salva) dessa doença.”

Mc 5,36: Jesus…  disse ao chefe-da-sinagoga: “Não tenha medo;  apenas tenha fé!”

Mc 10,52: Jesus disse (ao cego Bartimeu): “Pode ir, a sua fé curou (salvou) você.”

Mc 9,19; Ele, porém,  disse: “Ó geração sem fé! (incrédula)

Mc 9,23 Jesus disse: “Se podes!..Tudo é possível para quem tem fé.”24 Logo o pai do menino gritou: “Eu tenho fé, mas ajuda a minha falta de fé.”

Mc 6,5-6: E não pôde fazer milagres em Nazaré. Apenas curou alguns doentes, pondo as mãos sobre eles. E ficou admirado com a falta de fé deles.

Mc 4,40: 40 Então lhes perguntou: “Por que vocês são tão medrosos? Vocês ainda não têm fé?”

Mc 11,22-23 Jesus disse para eles: “Tenham fé em Deus. Em verdade digo a vocês: se alguém disser a esta montanha: ‘Levante-se e jogue-se no mar, e não duvidar no seu coração, mas acreditar (tendo fé) no que disse, assim acontecerá’.

 

FE ou CRER no EVANGELHO DE LUCAS

  1. 1,18 Então Zacarias perguntou ao anjo: Como vou saber se isso é verdade? Sou velho, e minha mulher é de idade avançada.” 19 O anjo respondeu: “Eu sou Gabriel. (Dn 8,16)  Estou sempre na presença de DEUS, e fui enviado para anunciar-lhe-esta-Boa-Nova. 20 Eis que você vai ficar mudo, e não poderá falar, até o dia em que essas coisas acontecerem, porque você não acreditou nas minhas palavras, que se cumprirão no tempo certo.”
  2. 1,45 Bendita aquela que creu, porque vai acontecer o que o SENHOR (DEUS)  lhe prometeu.”
  3. 5,17-26: OS CARREGADORES DO PARALÍTICO: Jesus perdoa os pecados do paralítico vendo a  dos que carregavam o paralítico que por causa da multidão, não conseguiam introduzi-lo, subiram então ao terraço e, através das telhas, desceram o homem com a cama, no meio, diante dele
  4. 7,1-10:  O OFICIAL ROMANO COM EMPREGADO DOENTE: Então Jesus foi com eles. Porém, quando já estava perto da casa, o oficial mandou alguns amigos dizer a Jesus: “Senhor (Jesus), não te incomodes, pois eu não sou digno de que entres em minha casa; 7 nem sequer me atrevi a ir pessoalmente ao teu encontro. Mas dize uma palavra, e o meu empregado ficará curado. 8 Pois eu também estou sob a autoridade de oficiais superiores, e tenho soldados sob minhas ordens. E digo a um: `Vá, e ele vai`; e a outro: `Venha, e ele vem`; e ao meu empregado: `Faça isso, e ele o faz`.” 9 Ouvindo isso, Jesus ficou maravilhado. Voltou-se para a multidão que o seguia, e disse: “Eu declaro a vocês que nem mesmo em Israel encontrei tamanha .” 10 Os mensageiros voltaram para a casa do oficial, e encontraram o empregado em perfeita saúde.
  5. 7,36-50: A MULHER PECADORA: 47 Por essa razão, eu declaro a você: os muitos pecados que ela cometeu estão perdoados, porque ela demonstrou muito amor. Aquele a quem foi perdoado pouco, demonstra pouco amor.” 48 E Jesus disse à mulher: “Seus pecados estão perdoados.” 49 Então os convidados começaram a pensar: “Quem é esse que até perdoa pecados?” 50 Mas Jesus disse à mulher: “Sua salvou você. Vá em paz!” (-> 8,48)
  6. 8,11 “A parábola quer dizer o seguinte: a semente é a PALAVRA DE DEUS. 12 Os da beira do caminho são aqueles que ouviram; mas, depois chega o diabo, e tira a Palavra do coração deles, para que não creem e se salvem.
  7. 8,13 Os que caíram sobre a pedra são aqueles que, ouvindo, acolheram com alegria a Palavra. Mas eles não têm raiz: por um momento, acreditam; mas na hora da tentação voltam atrás.
  8. 8,22-25 JESUS ACALMA A TEMPESTADE:  Os discípulos se aproximaram e acordaram Jesus, dizendo: “Mestre, Mestre, estamos morrendo.” Então Jesus se levantou e ameaçou o vento e o furor das águas. Estes pararam, e a calma voltou. 25 Jesus disse aos discípulos: “Onde está a   que vocês têm?” Tomados de medo, ficaram maravilhados, e diziam entre si: “Quem é esse homem que dá ordens até para os ventos e a água, e eles lhe obedecem?”
  9. 8,43-48: JESUS CURA A MULHER COM HEMORRAGIA: Então Jesus disse: “Alguém me tocou, pois eu senti que uma força saiu de mim.” 47 A mulher, vendo que tinha sido descoberta, foi tremendo, e caiu aos pés de Jesus. Contou diante de todos o motivo por que ela havia tocado em Jesus, e como tinha sido curada no mesmo instante. 48  Jesus disse à mulher: “Minha filha, sua  curou você. Vá em paz.” (->7,50)
  10. 8,40-42.49-56: JESUS RESSUSCITA A FILHA DE JAIRO: Jesus ainda estava falando, quando um mensageiro da casa do chefe da sinagoga chegou, dizendo: “Sua filha morreu; não incomode mais o Mestre.” 50 Jesus ouviu a notícia, e disse a Jairo: “Não tenha medo; apenas tenha  (=crê), e ela será salva.”
  11. 9,37-43: JESUS CURA O EPILÉTICO (ENDEMONINHADO): Um homem gritou do meio da multidão: “Mestre, eu te peço, vem ver o meu filho, pois é o meu único filho. 39 Um espírito o ataca e, de repente, solta gritos e o sacode, e o faz espumar. 40 Eu pedi aos teus discípulos o espírito, mas eles não conseguiram.” 41 Jesus disse: “Ó geração sem e pervertida! Até quando deverei ficar com vocês, e ter que suportá-los? Traga o menino aqui.” 42 Quando o menino estava se aproximando, o demônio o jogou no chão e o sacudiu. Então Jesus ordenou ao espírito mau, e curou o menino. Depois o entregou a seu pai. 43 Todos ficaram admirados com a grandeza de Deus.
  12. 12, 22-34: A BUSCA FUNDAMENTAL: GENTE DE POUCA FÉ: Então Jesus falou aos seus discípulos: “Por isso eu lhes digo: não fiquem preocupados com a vida, com o que comer; nem com o corpo, com o que vestir. 23 Pois a vida vale mais do que a comida, e o corpo mais do que a roupa. 24 Observem os corvos: eles não semeiam, nem colhem, não possuem celeiros ou armazéns. E, no entanto, Deus os alimenta. Vocês valem muito mais do que as aves. 25 Quem de vocês pode crescer um centímetro à custa de se preocupar com isso? 26 Portanto, se vocês não podem nem sequer fazer a menor coisa, por que se inquietam com o resto? 27 Observem como os lírios crescem: eles não fiam, nem tecem. Porém, eu digo a vocês que nem mesmo o rei Salomão, em toda a sua glória, jamais se vestiu como um deles. 28 Se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é queimada no forno, quanto mais ele fará por vocês, gente de pouca ! 29 Quanto a vocês, não fiquem procurando o que vão comer e o que vão beber. Não fiquem inquietos. 30 Porque são os pagãos deste mundo que procuram tudo isso. O Pai bem sabe que vocês têm necessidade dessas coisas. 31 Portanto, busquem o Reino dele, e Deus dará a vocês essas coisas em acréscimo. 32 Não tenha medo, pequeno rebanho, porque o Pai de vocês tem prazer em dar-lhes o Reino. 33 Vendam os seus bens e dêem esmola. Façam bolsas que não envelhecem, um tesouro que não perde o seu valor no céu: lá o ladrão não chega, nem a traça rói. 34 De fato, onde está o seu tesouro, aí estará também o seu coração.”
  13. 17,5-10 SENHOR AUMENTA A NOSSA FÉ: Os apóstolos disseram ao Senhor Jesus: “Aumenta a nossa !” 6 O Senhor Jesus respondeu: “Se vocês tivessem  (Cf. Mc 11,22-23) do tamanho de uma semente de mostarda, poderiam dizer a esta amoreira: ‘Arranque-se daí, e plante-se no mar’. E ela obedeceria a vocês. 7 Se alguém de vocês tem um empregado que trabalha a terra  ou cuida dos animais, por acaso vai dizer-lhe, quando ele volta do campo: ‘Venha depressa para a mesa’? 8 Pelo contrário, não vai dizer ao empregado: ‘Prepare-me o jantar, cinja-se e sirva-me, enquanto eu como e bebo; depois disso você vai comer e beber’? 9 Será que vai agradecer ao empregado, porque este fez o que lhe havia mandado? 10 Assim também vocês: quando tiverem cumprido tudo o que lhes mandarem fazer, digam: ‘Somos simples servos; fizemos o que devíamos fazer’.”
  14. 17,11-19: OS 10 LEPROSOS CURADOS – SAMARITANO RECONHECE: Jogou-se no chão, aos pés de Jesus, e lhe agradeceu. E este era um samaritano. 17 Então Jesus lhe perguntou: “Não foram dez os curados? E os outros nove, onde estão? 18 Não houve quem voltasse para dar glória a Deus, a não ser este estrangeiro?” 19 E disse a ele: “Levante-se e vá. Sua (pi,stij) o salvou.”
  15. 18,1 -8: A VIÚVA E O JUIZ INÍQUO: Jesus contou aos discípulos uma parábola, para mostrar-lhes a necessidade de rezar sempre, sem nunca desistir. Ele dizia: 2 “Numa cidade havia um juiz que não temia a Deus, e não respeitava homem algum. 3 Na mesma cidade havia uma viúva, que ia à procura do juiz, pedindo: ‘Faça-me justiça contra o meu adversário!’ 4 Durante muito tempo, o juiz se recusou. Por fim ele pensou: ‘Eu não temo a Deus, e não respeito homem algum; 5 mas essa viúva já está me aborrecendo. Vou fazer-lhe justiça, para que ela não fique me incomodando’.” 6 E o Senhor** acrescentou: “Escutem o que está dizendo esse juiz injusto. 7 E Deus não faria justiça aos seus escolhidos, que dia e noite gritam por ele? Será que vai fazê-los esperar? 8 Eu lhes declaro que Deus fará justiça para eles, e bem depressa. Mas, o Filho do Homem, quando vier, será que vai encontrar a (pi,stin) sobre a terra?”
  16. 18,31-43: O CEGO DE JERICÓ: Jesus parou, e mandou que levassem o cego até ele. Quando o cego chegou perto, Jesus perguntou: 41 “O que quer que eu faça por você?” O cego respondeu: “Senhor**, eu quero ver de novo.(avnable,yw)” 42 Jesus disse: “Torna a ver! (avna,bleyon). A sua (pi,stij) curou você.” 43 No mesmo instante, o cego tornou a ver (avne,bleyen) e seguia Jesus, glorificando a Deus. Vendo isso, todo o povo louvou a Deus.
  17. 20,3 Jesus respondeu: “Eu também vou fazer uma pergunta para vocês. Digam: 4 o batismo de João vinha do céu ou dos homens?” 5 Mas eles comentaram entre si: “Se respondemos que vinha do céu, ele vai dizer: ‘Por que vocês não acreditaram (ouvk evpisteu,sate) em João?’ 6 Se dizemos que vinha dos homens, todo o povo nos apedrejará, porque está convencido de que João era um profeta.” 7 Então eles responderam que não sabiam de onde vinha. 8 E Jesus disse: “Pois eu também não vou dizer a vocês com que autoridade faço essas coisas.”
  18. 22,31    “Simão, Simão! Olhe que Satanás pediu permissão para peneirar vocês como trigo. 32 Eu, porém, rezei por você, para que a sua não desfaleça. E você, quando tiver voltado para mim, fortaleça os seus irmãos.” 33 Mas Simão falou: “Senhor**, contigo estou pronto para ir até mesmo para a prisão e para a morte!” 34 Jesus, porém, respondeu: “Pedro, eu lhe digo que hoje, antes que o galo cante, três vezes você negará que me conhece.”
  19. 22,66   Ao amanhecer, os anciãos do povo, os chefes dos sacerdotes e os doutores da Lei se reuniram em conselho, e levaram Jesus para o Sinédrio. 67 E começaram: “Se tu és o MESSIAS, dize-nos!” Jesus respondeu: “Se eu disser, vocês não acreditarão, 68 e, se eu lhes fizer perguntas, não me responderão. 69 Mas de agora em diante, o Filho do Homem estará sentado à direita do Deus Todo-poderoso.”
  20. 24,11 Contudo, os apóstolos acharam que eram tolices o que as mulheres contavam e não acreditaram nelas. 12 Pedro, porém, levantou-se e correu para o túmulo. Inclinou-se, e viu apenas os lençóis de linho. Então voltou para casa, admirado com o que havia acontecido.
  21. 24,25 Então Jesus disse a eles: “Como vocês custam para entender, e como demoram para acreditar em tudo o que os profetas falaram! 26 Será que o CRISTO (ou Messias) não devia sofrer tudo isso, para entrar na sua glória?”
  22. 24,39 Vejam minhas mãos e meus pés: (=chagas) sou eu mesmo. Toquem-me e vejam: um espírito não tem carne e ossos, como vocês podem ver que eu tenho.” 40 E dizendo isso, Jesus mostrou as mãos e os pés. (chagas) 41 E como eles ainda não estivessem acreditando, por causa da alegria e porque estavam espantados, Jesus disse: “Vocês têm aqui alguma coisa para comer?”

 

FÉ EM TIAGO

 1,Se alguém de vocês tem falta de sabedoriaque peça a Deus, e ele a daráporque é generoso e  sem impor condiçõesTodavia é preciso pedir com sem duvidarporque aquele que duvida é como a onda do marque o vento leva de um lado para outroQuem é assimnão pense que vai receber alguma coisa do Senhorpois é indeciso e instável em tudo o que faz.

 

FÉ NAS CARTAS PAULINAS

A pessoa injusta não tem fé

2Ts 3,1 Quanto ao mais, irmãos, rezai por nós, para que a palavra do Senhor seja divulgada e glorificada como foi entre vós.

2 Rezai também para que sejamos livres dos homens maus e perversos pois nem todos têm a fé!

3 Mas o Senhor é fiel; ele vos confirmará e vos guardará do mal.

Cf. 2Mc 7,13: Morto também este, submeteram o quarto irmão aos mesmos suplícios, desfigurando-o. 14 Estando quase a expirar, ele disse: ‘Prefiro ser morto pelos homens tendo em vista a esperança dada por Deus, que um dia nos ressuscitará.
Para ti, porém, ó rei, não haverá ressurreição para a vida!’

 

 

 

 

 

O que é ter fé:

por Frei Betto
03 Agosto 2015

Todos conhecemos pessoas que frequentam a igreja e, no entanto, se comportam de modo contrário aos valores evangélicos: tratam subalternos com desrespeito; sonegam direitos de empregados; discriminam por razões raciais ou sexuais. Pessoas que enchem a boca de Deus e trazem o coração entupido de ira, inveja, soberba; são indiferentes aos direitos dos pobres; omitem-se em situações graves que lhes exigem solidariedade.

E temos à nossa volta, no círculo de amizades, pessoas ateias ou agnósticas que, em suas atitudes, fazem transparecer tudo o que o Evangelho acentua como valores: amor ao próximo, justiça aos excluídos, solidariedade aos necessitados, etc.

O Catecismo da Igreja Católica, aprovado por João Paulo II, em 1992, e elaborado sob a supervisão do téologo Ratzinger, futuro papa Bento XVI, define a fé como “adesão pessoal do homem a Deus”. E acrescenta que é “o assentimento livre de toda a verdade que Deus revelou.” E a portadora dessa verdade é a Igreja.

Assim, só teria verdadeira fé cristã quem submete seu entendimento ao que ensina a autoridade eclesiástica (papa, bispos e pastores).

Devido a essa maneira de entender a fé, o que se crê se tornou mais importante do que como se vive. Criou-se uma ruptura entre fé e vida. A ponto de uma pesquisa na França, ao indagar a diferença entre um empresário sem religião e outro cristão, teve como resposta da maioria um detalhe: o segundo vai à missa de vez em quando. No resto, em nada diferem…

Para Jesus, quem tinha fé? A resposta é desconcertante. Em Mateus 8,10, Jesus declara que o homem com mais fé que até então havia encontrado era um oficial romano, um centurião.

Ora, como Jesus pôde elogiar a fé de um oficial pagão? O episódio demonstra que, para Jesus, a fé não consiste, em primeiro lugar, naquilo que se crê, e sim no modo de proceder. Aquele pagão era um homem solidário, preocupado com o sofrimento de um servo.

A mesma atitude de Jesus se repete no caso da mulher cananeia, que também era pagã. A mulher pede a Jesus que lhe cure a filha. Diante dela, Jesus reconhece: “Mulher, grande é a sua fé!” (Mateus 15,28). Grande, não por causa da crença da mulher, e sim por seu procedimento amoroso.

O mesmo ocorre no caso do samaritano hanseniano, curado em companhia de nove judeus (Lucas 17,11-19). Os judeus, segundo suas crenças religiosas, se apresentaram aos sacerdotes, como recomendou Jesus. Já o samaritano, que não obedecia às prescrições das autoridades religiosas e não se sentia obrigado a submeter-se a elas, retornou para agradecer a Jesus, que lhe exaltou a fé: “A sua fé o salvou” (Lucas 17,19).

Para Jesus, portanto, a fé, antes de se vincular a um catálogo de crenças, a uma doutrina, se relaciona a um modo de viver e agir. Jesus, por vezes, duvidou da fé de quem estava mais próximo dele – discípulos na tempestade (Marcos 4,40). Discípulos e apóstolos foram considerados “homens de pouca fé” (Mateus 8,26).

Jesus fez a desconcertante afirmação de que prostitutas e cobradores de impostos terão precedência no Reino de Deus, e não os “exemplares” sacerdotes (Mateus 21,31).

Isso deixa claro quem Jesus reconhecia como crente. Não propriamente quem aceita o que prega a religião, e sim quem age por amor, solidariedade e justiça. Ter fé é, sobretudo, viver de acordo com os valores segundo os quais vivia Jesus.

A Igreja está em crise. Suas autoridades culpam o laicismo, o relativismo, o hedonismo. Ora, será que as autoridades religiosas, e nós, frades, freiras, padres e pastores, não temos culpa nisso, por apresentar a fé cristã como verdades cristalizadas em doutrina, e não expressada em vivência?

————–

Artigo publicado originalmente em O Globo

http://www.conic.org.br/portal/noticias/1508-o-que-e-ter-fe-por-frei-betto

 

Tente Outra Vez – Raul Seixas

Veja: Não diga que a canção está perdida Tenha fé em Deus, tenha fé na vida. Tente outra vez

Beba: Pois a água viva ainda está na fonte. Você tem dois pés para cruzar a ponte. Nada acabou, não não não não

Tente: Levante sua mão sedenta e recomece a andar. Não pense que a cabeça agüenta se você parar. Há uma voz que canta, uma voz que dança, uma voz que gira bailando no ar

Queira: Basta ser sincero e desejar profundo. Você será capaz de sacudir o mundo, vai, Tente outra vez

Tente: E não diga que a vitória está perdida; Se é de batalhas que se vive a vida
——-
https://m.vagalume.com.br/raul-seixas/tente-outra-vez.html

 

Veja esta reflexão sobre  A FORÇA DA CONCICÇÃO de José M. Castillo

 

Leave a Reply