HORA

 HORA

Como eram contadas as horas na cultura judaica do AT:

Veja esse texto:

“Por volta da hora nona, clamou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lamá sabactâni? O que quer dizer: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?” (Mateus 27,46).

A pergunta que fica é: nesse texto, a que horas Mateus está dizendo que Jesus morreu? A que horas seria a “hora nona”?

COMO OS JUDEUS MARCAVAM AS HORAS DO DIA.

Os judeus separavam o dia e noite em duas partes:

Øa primeira parte correspondia ao dia claro, e era contado desde o nascer do sol (por volta das 6 da manhã), até o pôr-do-sol (por volta das 18 horas), portanto, tinha 12 horas.

ØJá a noite, era contada das 18 horas até as 6 da manhã do dia seguinte.

Essas duas frações de 12 horas eram separadas da seguinte forma:

Dia claro:

·         Primeira hora = 7 da manhã

·         Segunda hora = 8 da manhã

·         Terceira hora = 9 da manhã

·         Quarta hora = 10 da manhã

·         Quinta hora = 11 da manhã

·         Sexta hora = Meio dia

·         Sétima hora = 1 da tarde

·         Oitava hora = 2 da tarde

·         Nona hora = 3 da tarde

·         Décima hora = 4 da tarde

·         Décima primeira hora = 5 da tarde

·         Décima segunda hora = 6 da tarde

 Respondendo a pergunta a que horas Jesus morreu, agora já se sabe que a “hora nona” seria às 15h.

Já a noite, os judeus costumavam separar as horas em 3 vigílias de 4 horas cada uma. Veja este texto: 

“Quer ele venha na segunda vigília, quer na terceira, bem-aventurados serão eles, se assim os achar” (Lucas 12,38).

Dia a noite: (contagem judaica)

·         Primeira vigília da noite = das 18h até 22h

·         Segunda vigília da noite = das 22h até 2 da manhã

·         Terceira vigília da noite = das 2 da manhã até 6 da manhã

Ou seja, no texto de Lucas 12,38 Jesus está citando que esse senhor poderia chegar entre 22h (segunda vigília da noite) e 6 da manhã do dia seguinte (terceira vigília da noite).

Uma outra observação a ser feita é que em alguns textos é citada a quarta vigília da noite, vejamos: 

“Na quarta vigília da noite, foi Jesus ter com eles, andando por sobre o mar” (Mateus 14:25).

Os romanos, diferente dos judeus, contavam a noite em 4 vigílias, não em 3 como os judeus. Dessa forma, alguns autores usavam a forma de contar dos romanos, como nesse caso onde Mateus usou a forma romana de contar e não a dos judeus.

Vigílias da noite (contagem romana):

·         Primeira vigília da noite = das 18h até 21h

·         Segunda vigília da noite = das 21h até meia noite

·         Terceira vigília da noite = da meia noite até 3 da manhã

·         Quarta vigília da noite = das 3 da manhã até 6 da manhã

Dessa forma, no texto de Mateus 14,25 que citamos, Jesus anda por sobre o mar na quarta vigília da noite, ou seja, entre 3 da manhã e 6 da manhã.

Observação: Diferente de nós, que contamos o dia completo das 0h até às 24h, os judeus consideravam a contagem de 24 horas do dia do pôr-do-sol (18h) de um dia, até o pôr-do-sol (18h) do outro dia. É por isso, por exemplo, que o sábado judaico, na realidade, ia das 18h da sexta-feira (pôr-do-sol), até às 18h do sábado (pôr-do-sol).

————————

https://www.esbocandoideias.com/2016/05/o-que-significa-hora-terceira-hora-sexta-e-hora-nona-citadas-na-biblia.html

 

HORA NO EVANGELHO DE SÃO JOÃO

HORA: SENTIDO LITERAL

 

1.  JESUS E OS 2 DISCÍPULOS DE JOÃO

1,39 Jesus respondeu:

               “Venham, e vocês verão.”

     Então eles foram e viram onde Jesus morava.

     E ficaram com ele naquele mesmo dia.

     Eram mais ou menos a hora (w[ra) décima (quatro horas da tarde).

 

JESUS E A SAMARITANA

4, 4 Jesus tinha que atravessar a Samaria. 

5 Chegou, então, a uma cidade da Samaria chamada Sicar,

    perto do campo que Jacó tinha dado ao seu filho José.  

6 Aí ficava a fonte de Jacó.

   Cansado da viagem, Jesus sentou-se junto à fonte.

   Era quase a hora (w[ra) sexta (meio-dia).

 

JESUS E O FUNCIONÁRIO DO REI

52 O funcionário perguntou

     a que horas (w[ran) o menino tinha melhorado.

     Eles responderam:

             "A febre desapareceu ontem

              á hora(w[ran) sétima (uma hora da tarde)."

53 O pai percebeu que tinha sido exatamente

     na mesma hora (w[ra) em que Jesus lhe havia dito:

              "Seu filho vive(zh)."

     Então ele creu (evpi,steusen), juntamente com toda a sua família.

54 Esse foi o segundo sinal de Jesus.

     Foi realizado quando ele voltou da Judeia para a Galileia.

 

JESUS DIANTE DE PILATOS

19,12B Mas os judeus gritavam:

              “Se você soltar esse homem,

               você não é amigo de César.

              Todo aquele que pretende ser rei,

              se coloca contra César.” 

13 Ouvindo essas palavras, Pilatos levou Jesus para fora.

     Fez que Jesus se sentasse numa cadeira de juiz,

     no lugar chamado “Pavimento”,

     que em hebraico se diz “Gábata.” 

14 Era véspera da Páscoa,

     por volta da hora (w[ra) sexta (meio-dia).

     Pilatos disse aos judeus:

                  "Aqui está o rei de vocês." 

15 Eles começaram a gritar:

                   "Fora! Fora! Crucifique."

     Pilatos perguntou:

                   "Mas eu vou crucificar o rei de vocês?"

     Os chefes dos sacerdotes responderam:

                   "Não temos outro rei além de César."  

16A Então, finalmente, Pilatos entregou Jesus a eles

      para que fosse crucificado.

 

JESUS NA CRUZ

19,25 A mãe de Jesus,

          a irmã da mãe dele,

          Maria de Cléofas,

          e Maria Madalena estavam junto à cruz.  

26 Jesus viu a mãe e, ao lado dela,

     o discípulo que ele amava.

     Então disse à mãe:

               “Mulher, eis aí o seu filho.”

27 Depois disse ao discípulo:

               “Eis aí a sua mãe.”

     E dessa hora (w[raj) em diante,

     o discípulo a recebeu em sua casa.

HORA NO SENTIDO FIGURADO, SIMBÓLICO

 

JESUS E A FALTA DE VINHO

A MÃE DE JESUS INÍCIA A SUA HORA

2,3 Faltou vinho e a mãe de Jesus lhe disse:

             “Eles não têm mais  vinho!”  

 4 Jesus respondeu:

              “Mulher, que existe entre nós?

               Minha (mou)hora (w[ra) ainda não chegou." 

5 A mãe de Jesus disse aos que estavam servindo:

              "Façam o que ele mandar."

 

e 3) JESUS E A SAMARITANA

JESUS CONFIRMA QUE A HORA É AGORA, JÁ

4,21 Jesus disse:

                “Mulher, acredite em mim(moi).

                 Está chegando a hora (w[ra)

                 em que não adorarão o Pai,

                 nem sobre esta montanha nem em  Jerusalém.   

22             Vocês adoram o que não conhecem,

                 nós adoramos o que conhecemos,

                 porque a salvação vem dos judeus.

23             Mas está chegando a hora (w[ra), e é agora,

                 em que os verdadeiros  adoradores

                 vão adorar o Pai em espírito e verdade.

                 Porque são  estes os adoradores que o Pai procura.   

24             Deus é espírito, e aqueles que o adoram

                 devem adorá-lo em espírito e verdade." 

 

5) e 6) QUEREMOS VER JESUS

CHEGOU O ÁPICE DA SUA HORA

12,20 Entre os que tinham ido à festa para adorar a Deus,

         havia alguns gregos.  

21 Eles se aproximaram de Filipe,

     que era de Betsaida da Galileia,

     e disseram:

             “Senhor, queremos ver Jesus.”

22 Filipe falou com André; e os dois foram falar com Jesus.

23 Jesus respondeu para eles, dizendo:

           “Chegou a hora (w[ra) em que

            o FILHO DO HOMEM vai ser glorificado. 

24        Eu garanto a vocês:

            se o grão de trigo não cai na terra e não morre,

               fica sozinho.

            Mas se morre, produz muito fruto.  

25        Quem tem apego à sua vida(yuch.n),

               vai perdê-la;

            quem despreza a sua vida(yuch.n) neste mundo,

               vai conservá-la para a VIDA ETERNA (zwh.n aivw,nion).  

26        Se alguém quer servir a mim, que me siga.

            E onde estiver eu (eivmi. evgw.), aí também estará o meu servo.

            Se alguém serve a mim, o Pai o honrará.  

27        Agora está angustiada a minha(mou) alma(yuch).

            E o que vou dizer? Pai, livra-me desta hora (w[raj)?

            Mas foi precisamente para esta hora (w[ran) que eu vim.   

28        Pai,  glorifica o teu NOME (o;noma)!"

            Então veio uma voz do céu:

            "Eu já O glorifiquei e ainda O glorificarei." 

29 A multidão que aí estava ouviu a voz,

     e dizia que tinha sido um trovão.

     Outros diziam:

           "Foi um anjo que falou com ele."  

30 Jesus disse:

            "Essa voz não falou por causa de mim,

             mas por causa de vocês.  

31         Agora é o julgamento (kri,sij) deste mundo.

             Agora o PRÍNCIPE DESTE MUNDO vai ser expulso  

32         e, quando eu for levantado da terra,

                 atrairei todos a mim."  

33 Jesus assim falava para indicar com que morte ia morrer.

34 A multidão disse a Jesus:

             "A Lei nos diz que o Messias

              vai permanecer aqui para sempre.

              Como podes dizer que é preciso que

              o FILHO DO HOMEM seja levantado?

              Quem é esse FILHO DO HOMEM?"  

35 Jesus respondeu:

             "A luz ainda estará no meio de vocês

              por um pouco de tempo.

              Procurem caminhar enquanto vocês têm a luz,

              para que as trevas não alcancem vocês.

              Quem caminha nas trevas não sabe para onde está indo.

36          Enquanto vocês têm a luz,

              acreditem na luz,

              para que vocês se tornem filhos da luz."

      Depois de dizer isso, Jesus foi embora e se escondeu deles.

 

7) ANTES DO LAVA-PÉS

A HORA DE PASSAR DESTE MUNDO PARA O PAI

13,1 Antes da festa da Páscoa,

        Jesus sabia que tinha chegado a sua hora (w[ra)

        de passar deste mundo para o Pai.

        Ele, que tinha amado os seus que estavam no mundo,

        amou-os até o fim. 

 

 

8) e 9) TAMBÉ AOS DISCÍPULOS VAI CHEGAR A SUA HORA

16,1      "Eu disse tudo isso para que vocês não se acovardem.  

2            Expulsarão vocês das sinagogas.

              E vai chegar a hora (w[ra) em que alguém,

              ao matar vocês,

              pensará que está oferecendo um sacrifício a Deus.

3           Eles farão assim, porque não conhecem o Pai nem a mim.  

4A          Eu disse tudo isso para que,

              quando chegar a hora (w[ra),

              vocês se lembrem do que eu disse."

 

10) A HORA É COMO DA MULHER GRÁVIDA

16, 20 Em verdade, em verdade digo a vocês (avmh.n avmh.n le,gw u`mi/n):

    vocês vão gemer e se lamentar, enquanto o mundo vai se alegrar.

             Vocês ficarão angustiados,

             mas a angústia de vocês se transformará em alegria.  

21         Quando a mulher está para dar à luz, sente angústia,

             porque chegou a sua hora (w[ra).

             Mas quando a criança nasce,

             ela nem se lembra mais da aflição,

             porque fica alegre por ter posto um homem no mundo.  

22         Agora, vocês também estão angustiados.

             Mas, quando vocês tornarem a me ver,

            vocês ficarão alegres,e essa alegria ninguém tirará de vocês.

23         Nesse dia, vocês não me farão mais perguntas.

             Em verdade, em verdade digo a vocês (avmh.n avmh.n le,gw u`mi/n):

             se vocês pedirem alguma coisa a meu Pai

                  em MEU NOME (ovno,mati, mou), ele a concederá. 

24         Até agora vocês não pediram nada

                  em MEU NOME(ovno,mati, mou): peçam e receberão,

             para que a alegria de vocês seja completa."

 

11) O QUE É A VIDA ETERNA?

17,1 Depois de falar essas coisas,

        Jesus ergueu os olhos ao céu e disse:

             "Pai, chegou a hora (w[ra).

              Glorifica o teu Filho, para que o Filho glorifique a ti,  

2            pois lhe deste poder sobre todos os homens,

              para que ele dê a VIDA ETERNA (zwh.n aivw,nion)

              a todos aqueles que lhe deste.  

3            Ora, a VIDA ETERNA (zwh.n aivw,nion) é esta:

              que eles conheçam

a ti, o único Deus verdadeiro, e

Øaquele que tu enviaste, Jesus Cristo.

4            Eu te glorifiquei na terra,

              completei a obra que me(moi) deste para fazer.

5            E agora, Pai, glorifica-me junto a ti,

              com a glória que eu tinha junto de ti

              antes que o mundo existisse.”

HORA

Como eram contadas as horas na cultura judaica do AT:

Veja esse texto:

“Por volta da hora nona, clamou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lamá sabactâni? O que quer dizer: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?” (Mateus 27,46).

A pergunta que fica é: nesse texto, a que horas Mateus está dizendo que Jesus morreu? A que horas seria a “hora nona”?

COMO OS JUDEUS MARCAVAM AS HORAS DO DIA.

Os judeus separavam o dia e noite em duas partes:

Øa primeira parte correspondia ao dia claro, e era contado desde o nascer do sol (por volta das 6 da manhã), até o pôr-do-sol (por volta das 18 horas), portanto, tinha 12 horas.

ØJá a noite, era contada das 18 horas até as 6 da manhã do dia seguinte.

Essas duas frações de 12 horas eram separadas da seguinte forma:

Dia claro:

·         Primeira hora = 7 da manhã

·         Segunda hora = 8 da manhã

·         Terceira hora = 9 da manhã

·         Quarta hora = 10 da manhã

·         Quinta hora = 11 da manhã

·         Sexta hora = Meio dia

·         Sétima hora = 1 da tarde

·         Oitava hora = 2 da tarde

·         Nona hora = 3 da tarde

·         Décima hora = 4 da tarde

·         Décima primeira hora = 5 da tarde

·         Décima segunda hora = 6 da tarde

 

Respondendo a pergunta a que horas Jesus morreu, agora já se sabe que a “hora nona” seria às 15h.

Já a noite, os judeus costumavam separar as horas em 3 vigílias de 4 horas cada uma. Veja este texto: 

“Quer ele venha na segunda vigília, quer na terceira, bem-aventurados serão eles, se assim os achar” (Lucas 12,38).

Dia a noite:

·         Primeira vigília da noite = das 18h até 22h

·         Segunda vigília da noite = das 22h até 2 da manhã

·         Terceira vigília da noite = das 2 da manhã até 6 da manhã

Ou seja, no texto de Lucas 12,38 Jesus está citando que esse senhor poderia chegar entre 22h (segunda vigília da noite) e 6 da manhã do dia seguinte (terceira vigília da noite).

Uma outra observação a ser feita é que em alguns textos é citada a quarta vigília da noite, vejamos: 

“Na quarta vigília da noite, foi Jesus ter com eles, andando por sobre o mar” (Mateus 14:25).

Os romanos, diferente dos judeus, contavam a noite em 4 vigílias, não em 3 como os judeus. Dessa forma, alguns autores usavam a forma de contar dos romanos, como nesse caso onde Mateus usou a forma romana de contar e não a dos judeus.

Vigílias da noite (contagem romana):

·         Primeira vigília da noite = das 18h até 21h

·         Segunda vigília da noite = das 21h até meia noite

·         Terceira vigília da noite = da meia noite até 3 da manhã

·         Quarta vigília da noite = das 3 da manhã até 6 da manhã

Dessa forma, no texto de Mateus 14,25 que citamos, Jesus anda por sobre o mar na quarta vigília da noite, ou seja, entre 3 da manhã e 6 da manhã.

Observação: Diferente de nós, que contamos o dia completo das 0h até às 24h, os judeus consideravam a contagem de 24 horas do dia do pôr-do-sol (18h) de um dia, até o pôr-do-sol (18h) do outro dia. É por isso, por exemplo, que o sábado judaico, na realidade, ia das 18h da sexta-feira (pôr-do-sol), até às 18h do sábado (pôr-do-sol).

————————

https://www.esbocandoideias.com/2016/05/o-que-significa-hora-terceira-hora-sexta-e-hora-nona-citadas-na-biblia.html

 

NO EVANGELHO DE SÃO JOÃO

HORA: SENTIDO LITERAL

 

1.  JESUS E OS 2 DISCÍPULOS DE JOÃO

1,39 Jesus respondeu:

               “Venham, e vocês verão.”

     Então eles foram e viram onde Jesus morava.

     E ficaram com ele naquele mesmo dia.

     Eram mais ou menos a hora (w[ra) décima (quatro horas da tarde).

 

JESUS E A SAMARITANA

4, 4 Jesus tinha que atravessar a Samaria. 

5 Chegou, então, a uma cidade da Samaria chamada Sicar,

    perto do campo que Jacó tinha dado ao seu filho José.  

6 Aí ficava a fonte de Jacó.

   Cansado da viagem, Jesus sentou-se junto à fonte.

   Era quase a hora (w[ra) sexta (meio-dia).

 

JESUS E O FUNCIONÁRIO DO REI

52 O funcionário perguntou

     a que horas (w[ran) o menino tinha melhorado.

     Eles responderam:

             "A febre desapareceu ontem

              á hora(w[ran) sétima (uma hora da tarde)."

53 O pai percebeu que tinha sido exatamente

     na mesma hora (w[ra) em que Jesus lhe havia dito:

              "Seu filho vive(zh)."

     Então ele creu (evpi,steusen), juntamente com toda a sua família.

54 Esse foi o segundo sinal de Jesus.

     Foi realizado quando ele voltou da Judeia para a Galileia.

 

JESUS DIANTE DE PILATOS

19,12B Mas os judeus gritavam:

              “Se você soltar esse homem,

               você não é amigo de César.

              Todo aquele que pretende ser rei,

              se coloca contra César.” 

13 Ouvindo essas palavras, Pilatos levou Jesus para fora.

     Fez que Jesus se sentasse numa cadeira de juiz,

     no lugar chamado “Pavimento”,

     que em hebraico se diz “Gábata.” 

14 Era véspera da Páscoa,

     por volta da hora (w[ra) sexta (meio-dia).

     Pilatos disse aos judeus:

                  "Aqui está o rei de vocês." 

15 Eles começaram a gritar:

                   "Fora! Fora! Crucifique."

     Pilatos perguntou:

                   "Mas eu vou crucificar o rei de vocês?"

     Os chefes dos sacerdotes responderam:

                   "Não temos outro rei além de César."  

16A Então, finalmente, Pilatos entregou Jesus a eles

      para que fosse crucificado.

 

JESUS NA CRUZ

19,25 A mãe de Jesus,

          a irmã da mãe dele,

          Maria de Cléofas,

          e Maria Madalena estavam junto à cruz.  

26 Jesus viu a mãe e, ao lado dela,

     o discípulo que ele amava.

     Então disse à mãe:

               “Mulher, eis aí o seu filho.”

27 Depois disse ao discípulo:

               “Eis aí a sua mãe.”

     E dessa hora (w[raj) em diante,

     o discípulo a recebeu em sua casa.

HORA NO SENTIDO FIGURADO, SIMBÓLICO

 

JESUS E A FALTA DE VINHO

A MÃE DE JESUS INÍCIA A SUA HORA

2,3 Faltou vinho e a mãe de Jesus lhe disse:

             “Eles não têm mais  vinho!”  

 4 Jesus respondeu:

              “Mulher, que existe entre nós?

               Minha (mou)hora (w[ra) ainda não chegou." 

5 A mãe de Jesus disse aos que estavam servindo:

              "Façam o que ele mandar."

 

e 3) JESUS E A SAMARITANA

JESUS CONFIRMA QUE A HORA É AGORA, JÁ

4,21 Jesus disse:

                “Mulher, acredite em mim(moi).

                 Está chegando a hora (w[ra), 

                 em que não adorarão o Pai,

                 nem sobre esta montanha nem em  Jerusalém.   

22             Vocês adoram o que não conhecem,

                 nós adoramos o que conhecemos,

                 porque a salvação vem dos judeus.

23             Mas está chegando a hora (w[ra), e é agora,

                 em que os verdadeiros  adoradores

                 vão adorar o Pai em espírito e verdade.

                 Porque são  estes os adoradores que o Pai procura.   

24             Deus é espírito, e aqueles que o adoram

                 devem adorá-lo em espírito e verdade." 

 

5) e 6) QUEREMOS VER JESUS

CHEGOU O ÁPICE DA SUA HORA

12,20 Entre os que tinham ido à festa para adorar a Deus,

         havia alguns gregos.  

21 Eles se aproximaram de Filipe,

     que era de Betsaida da Galileia,

     e disseram:

             “Senhor, queremos ver Jesus.”

22 Filipe falou com André; e os dois foram falar com Jesus.

23 Jesus respondeu para eles, dizendo:

           “Chegou a hora (w[ra) em que

            o FILHO DO HOMEM vai ser glorificado. 

24        Eu garanto a vocês:

            se o grão de trigo não cai na terra e não morre,

               fica sozinho.

            Mas se morre, produz muito fruto.  

25        Quem tem apego à sua vida(yuch.n),

               vai perdê-la;

            quem despreza a sua vida(yuch.n) neste mundo,

               vai conservá-la para a VIDA ETERNA (zwh.n aivw,nion).  

26        Se alguém quer servir a mim, que me siga.

            E onde estiver eu (eivmi. evgw.), aí também estará o meu servo.

            Se alguém serve a mim, o Pai o honrará.  

27        Agora está angustiada a minha(mou) alma(yuch).

            E o que vou dizer? Pai, livra-me desta hora (w[raj)?

            Mas foi precisamente para esta hora (w[ran) que eu vim.   

28        Pai,  glorifica o teu NOME (o;noma)!"

            Então veio uma voz do céu:

            "Eu já O glorifiquei e ainda O glorificarei." 

29 A multidão que aí estava ouviu a voz,

     e dizia que tinha sido um trovão.

     Outros diziam:

           "Foi um anjo que falou com ele."  

30 Jesus disse:

            "Essa voz não falou por causa de mim,

             mas por causa de vocês.  

31         Agora é o julgamento (kri,sij) deste mundo.

             Agora o PRÍNCIPE DESTE MUNDO vai ser expulso  

32         e, quando eu for levantado da terra,

                 atrairei todos a mim."  

33 Jesus assim falava para indicar com que morte ia morrer.

34 A multidão disse a Jesus:

             "A Lei nos diz que o Messias

              vai permanecer aqui para sempre.

              Como podes dizer que é preciso que

              o FILHO DO HOMEM seja levantado?

              Quem é esse FILHO DO HOMEM?"  

35 Jesus respondeu:

             "A luz ainda estará no meio de vocês

              por um pouco de tempo.

              Procurem caminhar enquanto vocês têm a luz,

              para que as trevas não alcancem vocês.

              Quem caminha nas trevas não sabe para onde está indo.

36          Enquanto vocês têm a luz,

              acreditem na luz,

              para que vocês se tornem filhos da luz."

      Depois de dizer isso, Jesus foi embora e se escondeu deles.

 

7) ANTES DO LAVA-PÉS

A HORA DE PASSAR DESTE MUNDO PARA O PAI

13,1 Antes da festa da Páscoa,

        Jesus sabia que tinha chegado a sua hora (w[ra)

        de passar deste mundo para o Pai.

        Ele, que tinha amado os seus que estavam no mundo,

        amou-os até o fim. 

 

 

8) e 9) TAMBÉ AOS DISCÍPULOS VAI CHEGAR A SUA HORA

16,1      "Eu disse tudo isso para que vocês não se acovardem.  

2            Expulsarão vocês das sinagogas.

              E vai chegar a hora (w[ra) em que alguém,

              ao matar vocês,

              pensará que está oferecendo um sacrifício a Deus.

3           Eles farão assim, porque não conhecem o Pai nem a mim.  

4A          Eu disse tudo isso para que,

              quando chegar a hora (w[ra),

              vocês se lembrem do que eu disse."

 

10) A HORA É COMO DA MULHER GRÁVIDA

16, 20 Em verdade, em verdade digo a vocês (avmh.n avmh.n le,gw u`mi/n):

    vocês vão gemer e se lamentar, enquanto o mundo vai se alegrar.

             Vocês ficarão angustiados,

             mas a angústia de vocês se transformará em alegria.  

21         Quando a mulher está para dar à luz, sente angústia,

             porque chegou a sua hora (w[ra).

             Mas quando a criança nasce,

             ela nem se lembra mais da aflição,

             porque fica alegre por ter posto um homem no mundo.  

22         Agora, vocês também estão angustiados.

             Mas, quando vocês tornarem a me ver,

            vocês ficarão alegres,e essa alegria ninguém tirará de vocês.

23         Nesse dia, vocês não me farão mais perguntas.

             Em verdade, em verdade digo a vocês (avmh.n avmh.n le,gw u`mi/n):

             se vocês pedirem alguma coisa a meu Pai

                  em MEU NOME (ovno,mati, mou), ele a concederá. 

24         Até agora vocês não pediram nada

                  em MEU NOME(ovno,mati, mou): peçam e receberão,

             para que a alegria de vocês seja completa."

 

11) O QUE É A VIDA ETERNA?

17,1 Depois de falar essas coisas,

        Jesus ergueu os olhos ao céu e disse:

             "Pai, chegou a hora (w[ra).

              Glorifica o teu Filho, para que o Filho glorifique a ti,  

2            pois lhe deste poder sobre todos os homens,

              para que ele dê a VIDA ETERNA (zwh.n aivw,nion)

              a todos aqueles que lhe deste.  

3            Ora, a VIDA ETERNA (zwh.n aivw,nion) é esta:

              que eles conheçam

a ti, o único Deus verdadeiro, e

Øaquele que tu enviaste, Jesus Cristo.

4            Eu te glorifiquei na terra,

              completei a obra que me(moi) deste para fazer.

5            E agora, Pai, glorifica-me junto a ti,

              com a glória que eu tinha junto de ti

              antes que o mundo existisse.”

 ********************

 

 

 

A divisão das horas do dia nos tempos bíblicos

 

 

Na Bíblia a ideia primária da palavra DIA é em referência à parte clara que vai do nascer ao pôr-do-sol, e NOITE é uma referência à parte escura que vai do pôr-do-sol ao nascer do sol.

No início dos tempos, o período de 24 horas era dividido em duas partes: Êrev (tarde) e Bôker (manhã). Érev começava ao pôr-do-sol, ou conforme Gênesis 3:8, “viração do dia”, e terminava ao nascer do sol, onde começava o Bôker. Até hoje os judeus usam a palavra ”êrev” como referência à primeira parte da noite que vai depois do pôr-do-sol até por volta das 22 horas, período em que usam a expressão “êrev tôv” (“boa noite”, ao chegar) e “laila tôv” (“boa noite”, ao sair).

Depois, a parte clara do dia (Bôker) começou a ser dividido, e o meio-dia era chamado “maior calor do dia”, quando todos procuravam abrigo e faziam sua refeição (almoço) e depois a sesta (Gênesis 18:1-4; 2 Samuel 4:5). Posteriormente essa hora passou a ser chamada de “meio-dia” (em hebraico: צהרים [TSOHORÁIM], plural de צהר [TSOHAR], que por sua vez procede do verbo צהר  [TSAHAR] = “reluzir”, mas que também veio a significar espremer azeite, extrair azeite pelo fato de que nos primórdios o meio dia era a melhor hora para tal ato por causa da oliva que estava “amaciada” pelo calor do meio-dia) – Gênesis 43:16, 25; 2 Samuel 4:5.

 

Já no primeiro século d.C., os judeus já haviam adotado a contagem greco-romana de 12 horas para o dia, e a ela Jesus fez referência:

 

“Respondeu Jesus: Não são doze as horas do dia? Se alguém andar de dia, não tropeça, porque vê a luz deste mundo; mas, se andar de noite, tropeça, porque nele não há luz.” (João 11:9, 10)

 

O senhor Jesus e os escritores sagrados usaram a divisão greco-romana das horas do dia para situarem acontecimentos importantes em suas narrativas como veremos logo mais.

As horas do dia eram contadas desde a alvorada (por volta das seis da manhã) até o pôr-do-sol (por volta das seis da tarde) e eram divididas em doze partes, sendo três as principais entre o nascer do sol (primeira hora) e o poente (duodécima hora):

  • hora terceira (pro volta das nove horas – Mateus 20:3; Marcos 15:25; Atos 2:15),
  • hora sexta (pro volta do meio-dia –  Mateus 20:5; 27:45; João 4:6; 19:14; Atos 10:9) e
  • hora nona (por volta das três da tarde – Mateus 27:45, 46; Atos 3:1; 10:3, 30).

Mas, quando havia a necessidade de se dar com mais exatidão a hora, as outras eram citadas, como por exemplo, o horário da cura do servo do oficial romano:

  • hora sétima (13:00 hs) – João 4:49-53 – e
  • hora undécima, na narração da parábola dos trabalhadores da vinha (Mateus 20:6, 9). Nesta parábola o Senhor faz referência às várias horas do dia claro: indiretamente
  • à primeira hora (vs. 1-2),
  • terceira hora (vs. 3-4),
  • hora sexta (v. 5) e
  • hora undécima (vs. 6 e 9) e
  • cair da tarde (hora duodécima – v. 8).

 

No dia da crucificação do Senhor as três principais horas são dadas:

  • hora terceira (Marcos 15:25), a hora da crucificação:  e
  • hora sexta e hora nona (vs. 33, 34), o período das trevas sobre toda a terra:

 

Logicamente essas horas não eram exatas, mas aproximadas, pois a duração dos dias variava de acordo com a época do ano. (Mateus 20:3, 5; 27:45, 46; Marcos 15:25, 33, 34; Lucas 23:44; João 19:14; Atos 10:3, 9, 30)

 

 

Divisões Noturnas

No tempo do Antigo Testamento os judeus dividiam a noite em três vigílias, a saber:

1)    Vigília da noite (Salmo 63:6) ou princípio das vigílias (Lamentações 2:19) que ia desde o sol posto até às 10 horas da noite;

2)    Vigília média ou da meia noite (Juízes 7:19) que principiava às 10 horas da noite e prolongava-se até às duas horas da madrugada;

3)    Vigília da manhã (1 Samuel 11:11) que ia desde as duas horas da manhã até ao nascer do sol.

 

Em tempos posteriores, a noite começou a ser dividida, segundo o costume dos romanos, em quatro vigílias (desde as 6 horas da tarde às 6 horas da manhã), de três horas cada uma (Mt 14.25; Lc 12.38). Em Marcos 13.35, as quatro vigílias são designadas pelo nome especial de cada uma.

 

Assim como aconteceu à divisão das horas do dia, a divisão romana das horas da noite foi também adotada pelos judeus por estarem sob o domínio de Roma, mas também não havia nada de errado com isso, muito pelo contrário, pois havia mais exatidão na contagem das horas.

Assim sendo, a noite foi também dividida em doze horas, mas as suas partes principais eram subdivididas em quatro vigílias (de três horas cada uma) em vez das três vigílias anteriormente usadas pelos judeus do tempo do Antigo Testamento. O Senhor Jesus fez também referência a essa divisão romana ao falar de sua vinda:

 

“Vigiai, pois, porque não sabeis quando virá o dono da casa: se à tarde, se à meia-noite, se ao cantar do galo, se pela manhã” (Marcos 13:35).

 

1)    A primeira vigília (latim: prima vigilia) era chamada de “tarde”, “tardinha” que em grego é: οψε (OPSE) que dá a idéia de  “perto do fim do dia”, “ao anoitecer” e ia por volta do pôr-do-sol até cerca das nove da noite (nosso horário);

2)    A segunda vigília (latim: secunda vigilia) era chamada de “meia-noite” que em grego é: μεσονυκτιον (MESONYKTION) e começava por volta das nove horas e terminava à meia-noite;

3)    A terceira vigília (latim: tertia vigilia) era chamada de “canto do galo” que em grego é: αλεκτοροφωνια (ALEKTOROFÔNIA) e ia da “meia-noite” a cerca das três horas. O Senhor Jesus fez referência ao cantar do galo ao dizer a Pedro que antes que o galo cantasse, naquela mesma noite este o negaria três vezes. Mateus 26:34; Lucas 22:34. E de fato aconteceu nas primeiras horas da madrugada (Marcos 14:68, 72.). E

4)    A quarta e última vigília (latim: quarta vigilia) era chamada de “cedo”, isto é, “cedo de manhã”, que em grego é:  προι (PROI) findava na aurora, por volta das seis horas. Foi na quarta vigília da noite que o senhor Jesus andou sobre as águas ao encontro dos seus discípulos que estavam no barco (Marcos 14:25). Foi no término deste horário que o Senhor, depois de ter pernoitado na cidade de Betânia ao dirigir-se de volta a Jerusalém, no caminho, teve fome e encontrou uma figueira sem frutos e a amaldiçoou a fim de dar uma lição de fé aos seus discípulos. (Mateus 21:17-22). Foi também nesta vigília que o Senhor ressuscitou de entre os mortos no primeiro dia da semana. (Marcos 16:2). Também: João 18:28.
Como foi dito, além das quatro vigílias, também estava em uso uma contagem de 12 horas para a noite, mas pelo que sei até agora, só há uma referência a uma parte dela no Novo Testamento, quando o comandante militar Cláudio Lísias mandou que dois de seus centuriões aprontassem um destacamento de 470 soldados a fim de escoltar o apóstolo Paulo em segurança até Cesaréia na “hora terceira da noite” (21:00 hs.) – Atos 23:23, 24.

 

Por: Luís Antônio Lima dos Remédios – o Cacerege

luis-agape@hotmail.com

cacerege@gmail.com

Manaus – Amazonas – Brasil

———————————

http://cacerege.blogspot.com.br/2011/10/divisao-das-horas-do-dia-nos-tempos.html

Leave a Reply